Prepare o bolso: com bandeira vermelha em maio, conta de luz fica mais cara em todo o país

Conta de luz. Foto: Divulgação

Conta de luz. Foto: Divulgação

A Agência Nacional de Energia Elétrica, a Aneel, informou nesta sexta-feira (30), que a conta de luz terá bandeira vermelha no mês de maio. Com isso, será cobrada uma taxa adicional de R$ 4,69, para cada 100 kWh consumidos.

Em abril, as faturas de todo o país foram fechadas na bandeira amarela, que representa R$ 1,34 a mais, a cada 100 kWh. Segundo a Aneel, o “agravamento” da bandeira tem relação com a época do ano, já que o mês de maio marca o início da estação seca em boa parte do Brasil. O cenário, diz a agência, sinaliza um “patamar desfavorável de produção” de eletricidade:

“Essa conjuntura sinaliza patamar desfavorável de produção pelas hidrelétricas e elevada necessidade de acionamento do parque termelétrico, pressionando os custos relacionados ao risco hidrológico (GSF) e o preço da energia no mercado de curto de prazo (PLD). A conciliação desses indicadores levou ao acionamento do patamar 1 da Bandeira Vermelha”, informou a Aneel.

+ Sidney Rezende: ‘Anvisa mantém porta aberta para negociações sobre Sputnik V’

+ Brasil bate recorde negativo e chega aos 14,4 mi de brasileiros sem emprego

+ Paulo Guedes celebra leilão da Cedae; venda alcançou R$ 22,6 bi

+ Witzel não é mais governador do Rio

+ Popó diz ter orgulho do filho homossexual: ‘É a minha bixona’

+ Vídeo: Eduardo Bolsonaro bate-boca e troca acusações na Jovem Pan

+ Astro mirim de A Viagem mostra ensaio ousado com bumbum de fora; veja as fotos

Comentários

 




    gl