Ana Carolina Garcia. Foto: SRZD

Ana Carolina Garcia

Jornalista formada pela Universidade Estácio de Sá, onde também concluiu sua pós-graduação em Jornalismo Cultural. Em 2011, lançou seu primeiro livro, "A Fantástica Fábrica de Filmes - Como Hollywood se Tornou a Capital Mundial do Cinema", da Editora Senac Rio.

Olhar de Cinema de Curitiba 2021: ‘Crime Culposo’

“Crime Culposo” tem direção de Shahram Mokri (Foto: Divulgação).

Em 1978, a cidade iraniana de Abadã foi palco de um atentado terrorista que vitimou de 400 a 800 pessoas quando o Cinema Rex foi incendiado, com sua saída de emergência bloqueada, por quatro homens – três morreram e um foi preso, mas sem identificar o mandante do ataque. O episódio ocorreu durante a exibição de “The Deer” (Gavaznha – 1974, Irã), de Masoud Kimiai, e serviu de inspiração para “Crime Culposo” (Careless Crime – 2020, Irã), um dos selecionados da Mostra Novos Olhares da 10a edição do Olhar de Cinema – Festival Internacional de Curitiba.

 

Dirigido e montado por Shahram Mokri, que também assina o roteiro ao lado de Nasim Ahmadpour, “Crime Culposo” conta esta história por meio de peças de um quebra-cabeça, explicitando que o ataque ocorreu motivado pela aversão à cultura ocidental exportada por muitas produções cinematográficas.

 

Trabalhando de forma satisfatória questões políticas e ideológicas, “Crime Culposo” parte de uma premissa interessante, mas o ritmo narrativo demasiadamente lento o prejudica por torná-lo arrastado e, consequentemente, cansativo de assistir.

Comentários

 




    gl