UESM na Mìdia: Paulicéia e Falcão com sambas inéditos.

Na foto, o compositor Claudio Sampaio e os presidentes Larissa (Falcão Imperial) e Leo (Unidos da Pauliceia)

Hoje na União das Escolas de Samba de Maquete, o uso de sambas de escolas reais é usado por grande parte das escolas, algumas vão contra maré e escolhem sambas autorais para seus desfiles. A nossa matéria abordará esse assunto que ainda divide opinioes entre os presidentes das Escolas de Samba do Carnaval de Maquete: Sambas autorais na UESM e a importância deles para o crescimento da liga. Assim como no grupo A e Especial, o Grupo B terá 2 co-irmãs que levarão sambas ineditos para a avenida.

 

Falcão Imperial e Chico Rei

Para a Falcão Imperial, a escola que fechará os desfiles do 1º dia, cantando “TODO VERDADEIRO BRASILEIRO É UM CHICO REI” contando a historia de Chico Rei, nosso heroi brasileiro. A agremiação terá samba inédito composto  por Claudio Sampaio e sem cantor definido ainda.  Vejamos como ficou o samba da agremiação.

Saluba-Ê, Paulicéia homenageando Nanã Buruquê

Outra agremiação que apostará num samba inédito,a Unidos da Paulicéia que fechará os desfiles do 2º dia, cantando ” SALUBA-Ê! NAVEGANDO NAS ÁGUAS TURVAS DE NANÃ BURUQUÊ” também terá samba inédito composto  por Claudio Sampaio e sem cantor definido ainda.  Vejamos como ficou o samba da agremiação.

Você pode acompanhar todos os detalhes dos desfiles nos dias 12 e 13 de Outubro pelo site oficial (www.uesm.com.br) onde as agremiações se apresentarão em forma de vídeo e contarão com narração ao vivo.

Sobre UESM na Mídia:

Coluna apresentada todas as quartas feiras, traz as novidades das agremiações que estão disputando o grupo B em 2019, apresentadas por Raphael Khaleb.

Saiba mais sobre o Carnaval de Maquete da UESM

Comentários




    gl