Uber Eats começa a comercializar maconha no Canadá

Canadá. Foto: Reprodução de Internet

Canadá. Foto: Reprodução de Internet

A partir desta segunda-feira (22), usuários da empresa Uber, na província de Ontário, no Canadá, podem comprar maconha para uso recreativo através do aplicativo de entregas da empresa, o Uber Eats.

Para adquirir o produto, o cliente deve ser maior de idade.

O Canadá legalizou a maconha para uso recreativo em 2018 e a posse de uma porção acima de 30 gramas é proibida. Justin Trudeau, premiê canadense, diz que a legislação foi projetada “para manter o lucro fora da mão de criminosos”.

A plataforma oferece a maconha somente pela varejista do mercado em Toronto, a Tokyo Smoke, e o app permitirá somente a retirada na loja, onde a equipe fica responsável pela verificação da identidade do comprador. A Uber é a primeira empresa no mundo a atuar neste segmento.

Comentários

 




    gl