Magno Alves vai penhorar parte de possível premiação do Flu, diz jornalista

Um dos principais jogadores do Fluminense na década de 90, Magno Alves vai dar um belo rombo nos cofres tricolores, caso o time vença o Campeonato Brasileiro neste domingo. Devido a uma dívida trabalhista que o clube tem com o atacante, hoje no Ceará, o Magnata vai abocanhar R$ 4 milhões da premiação que o clube receber da CBF, metade do valor total.

Segundo informações do site “Globoesporte.com”, o Fluminense descumpriu um acordo que tinha feito com o jogador na
Justiça para o pagamento de salários atrasados e outros direitos
trabalhistas. Por isso, veio a determinação da penhora para que o valor
fosse pago de uma vez só.

Magno Alves chegou ao Fluminense em 1998 e participou da fase negra, quando o clube chegou a disputar a Série C do Campeonato Brasileiro. Em mais de 200 jogos pelo clube marcou 111 gols e se tornou o décimo maior artilheiro da história. Pelo Tricolor carioca, ele tem o título da Série C em 1999 e do Campeonato Carioca em 2002.

Comentários




    gl