‘Lima Barreto, ao terceiro dia’ conta vida e obra do escritor

Foto: Divulgação

Com texto de Luiz Alberto e direção de Luiz Antonio Pilar, “Lima Barreto, ao terceiro dia”, conta a vida e obra do escritor abordando a questão do negro do Brasil. Com Nando Cunha e Flávio Bauraqui.

Divida em três planos, peça narra três dias da vida do escritor em 1919, passados no manicômio, onde ele é internado por causa de uma forte crise de alucinação. Quando os três momentos se encontram, acontece um embate ideológico entre o escritor já velho e o seu eu jovem.

Espetáculo fica em cartaz de 24 de maio a 30 de junho, de sexta a domingo, às 19h, no Teatro Duclina. Rua Alcindo Guanabara, 17 – Centro do Rio. Ingressos R$ 20.

Comentários




    gl