Carille admite momento ruim e vê pressão aumentar no Corinthians

A diretoria do Corinthians não está satisfeita com o desempenho do clube na temporada. Apesar do título paulista e da boa colocação no Campeonato Brasileiro, a preocupação é com as apresentações dentro de campo. O pouco futebol jogado até aqui tem colocado pressão em Fábio Carille, que fica com o futuro cada vez mais indefinido. Alguns jornais já dão como certa uma troca no comando do time, com Tiago Nunes chegando em 2020, após término de contrato com o Athlético Paranaense.

Em entrevista após derrota no clássico contra o São Paulo, Carille admitiu a temporada ruim do Timão. Ele afirmou que o clube não conseguiu fazer bons jogos durante todos esses meses, principalmente no quesito ofensivo. A equipe tem a melhor defesa da Série A, mas também é um dos piores ataques. Sofreu 16 gols em 24 rodadas, mas fez apenas 27. A honestidade do treinador é até vista com bons olhos, porém acaba sendo usada por torcedores para uma possível demissão.

Os rumores de mudanças no Corinthians para 2020 começaram em setembro, após eliminação na Copa Sul-Americana. O Timão não foi bem contra o Independiente del Valle, sofreu uma derrota em casa e acabou caindo nas semifinais. Era uma chance real de título e de classificação para a próxima Libertadores, mas acabou com um placar agregado de 4 a 2 para os equatorianos.

A boa campanha do time no Campeonato Brasileiro ainda é um ponto positivo na temporada para Carille. O Corinthians conseguiu uma sequência de vitórias no 2º turno e se consolidou no G6. Porém, sonhar com o título é algo distante. As apostas esportivas indicam que a taça deve ficar mesmo entre Flamengo e Palmeiras. No dia 15 de outubro, a equipe rubro-negra chegava aos 88,5% de chance de título.

De olho em novo treinador

Caso Fábio Carille realmente não fique no Corinthians, o nome que mais se especula nos bastidores é o de Tiago Nunes. Alguns canais esportivos já confirmam a informação, apesar de ser algo distante. O atual treinador do Athlético Paranaense faz excelente trabalho no clube, onde conquistou uma Copa do Brasil e uma Sul-Americana. Ou seja, é difícil saber se ele aceitaria mudar de ambiente.

Tiago Nunes tem contrato até o final da temporada e ainda não sentou para negociar um novo contrato. O clube paranaense sonha com um título de grande expressão, como a Libertadores ou o Campeonato Brasileiro, e a presença do treinador parece ser essencial nisso. Porém, uma proposta do Corinthians pode ser algo irrecusável e as mudanças de planos podem acontecer a qualquer momento nos dois clubes.

O ano ainda não terminou e faltam muitos jogos do Campeonato Brasileiro. Se o Corinthians não conseguir uma vaga no G6, ou seja, na Libertadores, as chances de Carille ficar por lá são pequenas. A torcida pede um futebol mais ofensivo no clube, mesmo com um elenco limitado para a disputa da Série A. Os resultados dentro de campo, até a 38ª rodada, vão definir o futuro não só do Timão, mas também dos dois treinadores que acabam sendo colocados nessa novela.

Comentários




    gl