Campeonato Paulista: confira data e protocolo para volta do futebol em São Paulo

Arena Corinthians. Foto: Paulo Pinto/ Fotos Públicas

Durante coletiva realizada nesta quarta-feira (8) pelo governo de São Paulo, João Doria anunciou que o protocolo enviado pela Federação Paulista de Futebol (FPF) foi aprovado e o Campeonato Paulista retorna no próximo dia 22. As partidas acontecerão obrigatoriamente sem torcida nos estádios e em cidades estão na fase amarela do Plano São Paulo.

“O centro de contingência aprovou em conjunto com a Federação Paulista de Futebol o novo protocolo de retomada do Campeonato Paulista. Os jogos deverão ocorrer obrigatoriamente em cidades que estão na fase amarela do Plano SP e em estádios sem torcida. No dia 22 de julho, vai acontecer a primeira rodada desta etapa final do campeonato”, informou o governador.

Paralisado desde o dia 8 de Agosto, o Paulistão ainda tem 24 jogos a serem disputados em seis datas – duas rodadas do fim da primeira fase, quartas de final, semifinal e dois jogos das finais. A final está prevista para o dia 8 de agosto.

De acordo com o coordenador do centro de contingência da Covid-19, Paulo Menezes, o risco de contágio baixo por parte dos atletas, equipe técnica e funcionários.

“O futebol de SP vai continuar respeitando vidas e cumprindo rigorosamente os protocolos apresentados e aprovados”, complementou Reinaldo Carneiro Bastos, presidente da Federação Paulista de Futebol.

O protocolo

– Será realizada pela Polícia Militar a inspeção das instalações antes do inicio da partida para definir os processos de segurança que deverão ser adotados;

– Não será permitida a venda de ingressos;

– Será aferida a temperatura de todos os profissionais que acessarem os estádios;

– Atletas terão rigoroso controle por parte do corpo médico da equipe para preservar a saúde de todos e evitar possíveis contágios;

– 48 horas antes dos jogos, as equipes enviarão a lista das pessoas que viajarão ou irão aos estádios;

– Todos devem usar máscaras, exceto os jogadores durante a partida;

– Em todas as zonas, serão instalados dispensadores de álcool em gel cartazes informativos sobre higiene pessoal;

– Serão levadas em conta as zonas reservadas para os jogadores não convocados, zelando-se pelo cumprimento das distâncias de segurança;

– As áreas externas do estádio serão controladas para coibir aglomerações.










Comentários

 




    gl