Bilionária brasileira doa R$ 88 milhões para reconstrução da Catedral de Notre-Dame

Incêndio na catedral de Notre-Dame. Foto: Reprodução de TV

Incêndio na catedral de Notre-Dame. Foto: Reprodução de TV

Entre os doadores para um fundo que terá como objetivo restaurar a construção da Catedral de Notre-Dame, em Paris, está o nome da brasileira Lily Watkins Cohen Monteverde Bendahan Safra, conhecida como Lily Safra, de 84 anos. Ela doou sozinha R$ 88 milhões.

Lily Safra tem uma fortuna estimada em R$ 5 bilhões e já apareceu por várias vezes na lista de mulheres mais ricas do mundo. Nascida em Porto Alegre, filha de pai inglês, ela foi casada com o banqueiro Edmond Safra – o segundo marido dela.

A notícia teve grande repercussão no Brasil. Nas redes sociais, internautas comentaram não ter ocorrido um movimento de milionários brasileiros em torno da restauração do Museu Histórico Nacional, do Rio de Janeiro, que foi destruído pelo fogo em setembro do ano passado, perdendo seu acervo praticamente por completo. O Museu Nacional é considerado o maior museu de história natural e antropológica da América Latina.

Comentários




    gl