Silvio Santos ironiza acusação de racismo em seu programa

Silvio Santos altera resultado de competição após vitória de Jennyfer Oliver. Foto: Reprodução

Silvio Santos altera resultado de competição após vitória de Jennyfer Oliver. Foto: Reprodução

Na última semana, o apresentador e empresário Silvio Santos foi alvo de polêmicas ao ignorar o voto popular e favorecer uma candidata branca em um quadro musical de seu programa. Após a repercussão negativa, o dono do SBT citou o assunto durante a edição de sua atração neste domingo (15).

“Disseram aí na internet que eu não quis que uma cantora cantasse porque ela é negra. Então, eu sou homo”, disse ao tentar se defender e colocar sua inocência.

Lívia Andrade, uma das juradas do programa, interferiu: “Racista”. Silvio completou: “Homossexual ainda não. Que eu sou homofóbico”.

A filha do apresentador, Patrícia Abravanel, também saiu em defesa do pai: “Racismo. Falam que você é misógino, que é uma palavra que eles nem sabem o que é”. “Misógino é homem que não gosta de mulher”, disse Silvio Santos. “Mas, você gosta. Só tem mulher aqui”, completou sua filha.

Patrícia falou também que não viu nada de errado na conduta do pai ao ter retirado a premiação, dada pelo público, de uma cantora negra: “Posso falar? Eu assisti e não achei nada demais. Ele sempre escolhe quem ele gosta mais. Ele pede para o pessoal votar, mas a decisão é de quem? Dele!!! Então, não é porque ela é negra”.

Silvio Santos fala em programa sobre denúncia de racismo: "estão falando mal de mim na internet". Foto: Reprodução de TV
Silvio Santos fala em programa sobre denúncia de racismo: “estão falando mal de mim na internet”. Foto: Reprodução de TV

Após a repercussão do caso nas redes, Jennyfer Oliver, a participante negra que perdeu o grande prêmio, alegou que não processaria Silvio Santos nem o SBT.

“Não vai adiantar processar e ir atrás de direitos, porque aí eu vou ser prejudicada, nunca mais vou participar de emissora nenhuma”, explicou.

Comentários




    gl