Ana Carolina Garcia. Foto: SRZD

Ana Carolina Garcia

Jornalista formada pela Universidade Estácio de Sá, onde também concluiu sua pós-graduação em Jornalismo Cultural. Em 2011, lançou seu primeiro livro, "A Fantástica Fábrica de Filmes - Como Hollywood se Tornou a Capital Mundial do Cinema", da Editora Senac Rio.

Oscar 2020: ‘A Vida Invisível’ está fora da disputa de melhor filme internacional

A 92a edição da cerimônia de entrega do Oscar será realizada no dia 09 de fevereiro de 2020, no Dolby Theatre, em Los Angeles (Foto: Divulgação / Richard Harbaugh ©A.M.P.A.S.).

A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood (Academy of Motion Picture Arts and Sciences – AMPAS) divulgou na noite da última segunda-feira, dia 16, a lista dos longas-metragens pré-finalistas da categoria de melhor filme internacional, chamada até o ano passado de melhor filme estrangeiro. E o Brasil ficou, mais uma vez, de fora, pois seu representante, “A Vida Invisível” (2019), de Karin Aïnouz, não foi selecionado para a nova rodada de votação.

 

A lista de pré-finalistas da AMPAS na categoria de melhor filme internacional contém 10 títulos. São eles: “Parasita” (Gisaengchung – 2019, Coreia do Sul), de Bong Joon-Ho; “Dor e Glória” (Dolor y gloria – 2019, Espanha), de Pedro Almodóvar; “O Pássaro Pintado” (Nabarvené ptáče – 2019, República Tcheca), de Václav Marhoul; “Truth and Justice” (Tõde ja õigus – 2019, Estônia), de Tanel Toom; “Os Miseráveis” (Les Misérables – 2019, França), de Ladj Ly; “Honeyland” (Idem – 2019, Macedônia), de  Tamara Kotevska e Ljubomir Stefanov; “Aqueles que Ficaram” (Akik maradtak – 2019, Hungria), de Barnabás Tóth; “Corpus Christi” (Boze Cialo – 2019, Polônia), de Jan Komasa; “Uma Mulher Alta” (Dylda – 2019, Rússia), de Kantemir Balagov; e “Atlantique” (Idem – 2019, Senegal), de Mati Diop.

 

No entanto, o Brasil ainda tem um título na disputa, mas por uma vaga dentre os finalistas da categoria de melhor documentário, “Democracia em Vertigem” (2019). Dirigido por Petra Costa, o longa tem como adversários: “Defensora” (Advocate – 2019, Canadá), de Philippe Bellaiche e Rachel Leah Jones; “Indústria Americana” (American Factory – 2019, EUA), de Steven Bognar e Julia Reichert; “The Apollo” (Idem – 2019, EUA), de Roger Ross Williams; “Apollo 11” (Idem – 2019, EUA), de Todd Douglas Miller; “Aquarela” (Idem – 2018, Reino Unido), de Viktor Kosakovskiy; “The Biggest Little Farm” (Idem – 2018, EUA), de John Chester; “The Cave” (Idem – 2019, Síria), de Feras Fayyad; “For Sama” (Idem – 2019, Reino Unido), de Waad Al-Kateab e Edward Watts; e “Privacidade Hackeada” (The Great Hack – 2019, EUA), de Karim Amer e Jehane Noujaim; “Virando a Mesa do Poder” (Knock Down the House – 2019, EUA), de Rachel Lears; “Maiden” (Idem – 2018, Reino Unido), de Alex Holmes; “Midnight Family” (Idem – 2019, México), de Luke Lorentzen; “One Child Nation” (Born in China – 2019, EUA), de Nanfu Wang e Jialing Zhang; e “Honeyland”.

 

Os indicados ao Oscar 2020 serão anunciados pela Academia em 13 de janeiro. A cerimônia de entrega do prêmio mais cobiçado do cinema mundial será realizada no dia 09 de fevereiro, no Dolby Theatre, em Los Angeles.

 

Leia também:

SAG Awards 2020: ‘Era Uma Vez em… Hollywood’ e ‘O Irlandês’ são líderes de indicações

Globo de Ouro 2020: ‘História de um Casamento’, ‘Era Uma Vez em… Hollywood’ e ‘O Irlandês’ lideram a disputa

Critics’ Choice Awards 2020: ‘O Irlandês’ lidera com 14 indicações

Gotham Awards 2019: ‘História de um Casamento’ vence em quatro categorias

Independent Spirit Awards 2020: ‘A Vida Invisível’ é indicado ao prêmio de melhor filme internacional

Comentários

 




    gl