Ana Carolina Garcia. Foto: SRZD

Ana Carolina Garcia

Jornalista formada pela Universidade Estácio de Sá, onde também concluiu sua pós-graduação em Jornalismo Cultural. Em 2011, lançou seu primeiro livro, "A Fantástica Fábrica de Filmes - Como Hollywood se Tornou a Capital Mundial do Cinema", da Editora Senac Rio.

‘Bons Meninos’ abre em primeiro nos EUA

“Bons Meninos” ainda não tem previsão de lançamento no Brasil (Foto: Divulgação).

Estreia de Gene Stupnitsky na direção de longas-metragens, a comédia “Bons Meninos” (Good Boys – 2019) abriu em primeiro lugar no mercado americano com US$ 21,4 milhões. Protagonizado por Jacob Tremblay, Keith L. Williams e Brady Noon, o filme ainda não entrou em cartaz numa escala global, o que explica sua bilheteria total, US$ 23,5 milhões – a produção segue sem data de lançamento definida nos cinemas brasileiros.

 

Após reinar absoluto por duas semanas consecutivas, “Velozes & Furiosos: Hobbs & Shaw” (Hobbs & Shaw – 2019) caiu para a segunda posição do ranking semanal com US$ 14,1 milhões. Em todo o mundo, o longa estrelado por Dwayne ‘The Rock’ Johnson e Jason Statham já faturou US$ 438,6 milhões e é a nona maior bilheteria do ano até o momento, de acordo com o Box Office Mojo.

 

“O Rei Leão” entrou em cartaz no dia 18 de julho (Foto: Divulgação).

 

Se o spin-off da franquia “Velozes & Furiosos” (Fast & Furious – iniciada em 2001) ocupa o nono lugar do ranking de 2019, até a presente data, a nova versão de “O Rei Leão” (The Lion King – 1994) ocupa a mesma posição, mas na lista de maiores bilheterias da História do cinema. Dirigido por Jon Favreau, “O Rei Leão” (The Lion King – 2019) faturou US$ 12,3 milhões nos cinemas americanos no último final de semana que, somados às arrecadações de outros mercados, deram à nova aventura de Simba o impressionante valor de US$ 1,437 bilhão, que também lhe garantiu a vice-liderança do Top 10 2019.

 

Com lançamento agendado para 03 de outubro nos cinemas brasileiros, “Angry Birds 2: O Filme” (The Angry Birds Movie 2 – 2019) abriu em quarto lugar no mercado americano com US$ 16 milhões. Já em cartaz em países como Portugal e China, a animação que marca a estreia de Thurop Van Orman na direção de longas-metragens já totaliza US$ 45,3 milhões.

 

Baseado na obra de Alvin Schwartz e dirigido por André Øvredal, “Histórias Assustadoras para Contar no Escuro” (Scary Stories to Tell in the Dark – 2019) arrecadou US$ 10 milhões nos Estados Unidos no último final de semana, ocupando a quinta posição do ranking. Produzido e roteirizado por Guillermo del Toro, o longa já soma US$ 54,2 milhões mundialmente.

 

Leia também:

‘Velozes e Furiosos: Hobbs e Shaw’ segue na liderança nos EUA

‘Velozes e Furiosos: Hobbs e Shaw’ abre em primeiro nos EUA

‘O Rei Leão’ segue na liderança nos EUA

‘Vingadores: Ultimato’ desbanca ‘Avatar’ e se torna a maior bilheteria da História

Crítica – ‘O Rei Leão’: remake homenageia o clássico lançado há 25 anos

Top 10: as maiores bilheterias do primeiro semestre de 2019

Comentários




    gl