Geral

Wallace Safra estreia 2ª temporada do Canal +33 e revela novidades sobre projetos na TV

Wallace Safra. Foto: Mario Sant’Anna

Colunista de moda e Carnaval, comentarista e um apaixonado pelo mundo da moda, Wallace Safra vem se dedicando cada vez mais ao assunto e acumulando funções ligadas ao universo fashion. Após uma longa jornada, o jovem que coleciona trabalhos autorais, se viu na necessidade de um diálogo mais dinâmico entre os novos talentos deste universo e o mercado de moda em geral, “tive que apostar sempre trabalhos autorais para mostrar a minha capacidade de produção e de desenvolvimento”, diz.

Há três anos, o empresário e produtor se reinventou e desenvolveu o ‘Projeto Moda Rio’, que busca incentivar a gestão de capital humano e oportunidades para novos profissionais do ramo.

Wallace Safra. Foto: Mario Sant’Anna

Mesmo com todo o engajamento envolvido no ‘Projeto Moda Rio’, Safra percebia que as pessoas que por lá passavam ainda não tinham acesso à mídia e não eram ‘vistas’ pelo grande mercado da moda. Foi então que Wallace, sempre com olhar empreendedor visionário, deu mais um passo em sua carreira e idealizou o ‘Canal +33’, na intenção de encurtar cada vez mais a comunicação entre pessoas que ainda não tiveram tantas oportunidades no ramo fashion, porém têm muita força de vontade para colaborar na produção da moda brasileira.

“Mesmo com o Moda Rio as pessoas não tinham muito acesso à imprensa, então resolvi montar um canal que eu possa conversar com essa galera, que tem boas ideias, boas técnicas de desenvolvimento. Abrir um canal democrático sem nenhum tipo de preconceito, sem nenhum tipo de bloqueio e dar espaço para essas pessoas dialogarem, falarem sobre seus projetos, suas ideias, conversar de uma forma leve e descontraída”, disse Safra, que inicialmente não seria o apresentador dos programas, porém a pessoa responsável pelo canal gostou muito da ideia e o queria à frente das câmeras, como alguém que pudesse desenvolver o assunto com mais propriedade e falar de forma mais honesta.

A primeira temporada do ‘Canal +33’ foi ao ar em 2019 e conta com 13 programas, onde Safra teve a oportunidade de conversar com pessoas do mundo fashion nacional como: Gustavo de Carvalho, que traçou um comparativo sobre moda e arte; Marceli Mazur, que teve a oportunidade de contar como foi sua luta contra o câncer, o que a incentivou em desenvolver roupas inspiradas em mulheres acometidas pela doença; Luana Cooper, a mente por trás do ‘Portal Tombay’, que debateu sobre negritude e empoderamento feminino; e Wellington Bezerra, idealizador da ‘W Magazine’, que falou sobre a importância e valores da fotografia de moda.

Na próxima temporada, o ‘Canal +33’ receberá pessoas mais influentes do mercado da moda carioca, abordando assuntos mais fortes e pontuais. Além de irem ao ar semanalmente no YouTube, os programas também passarão a ser lançado simultaneamente no IGVT. O multifacetado Wallace Safra e a equipe responsável pelo canal já estão em processo de produção da segunda temporada, que contará com 16 programas. Com estreia prevista para maio deste ano, três programas já foram filmados durante o mês de fevereiro e têm como cenário as instalações do hotel Selina Lapa Rio de Janeiro, os demais programas serão gravados entre março e abril. Inclusive já existe uma emissora de TV fechada de olho no conteúdo do canal e há uma previsão de que o Canal+33 se torne um programa de televisão até 2022.

Comentários




    gl