Ana Carolina Garcia. Foto: SRZD

Ana Carolina Garcia

Jornalista formada pela Universidade Estácio de Sá, onde também concluiu sua pós-graduação em Jornalismo Cultural. Em 2011, lançou seu primeiro livro, "A Fantástica Fábrica de Filmes - Como Hollywood se Tornou a Capital Mundial do Cinema", da Editora Senac Rio.

BAFTA 2019: ‘A Favorita’ é líder de indicações

“A Favorita” tem lançamento previsto para 24 de janeiro nos cinemas brasileiros (Foto: Divulgação).

A British Academy of Film and Television Arts (BAFTA) divulgou nesta quarta-feira-feira, dia 09, a lista de indicados ao BAFTA Awards 2019. E quem lidera a corrida pelo Oscar britânico é “A Favorita” (The Favourite – 2018), que concorre a 13 categorias, entre elas, as de melhor filme, filme britânico e direção para Yorgos Lanthimos.

 

“A Favorita” é seguido, de longe, por “Nasce Uma Estrela” (A Star is Born – 2018), “Roma” (Idem – 2018), “Bohemian Rhapsody” (Idem – 2018) e “O Primeiro Homem” (First Man – 2018), que têm sete indicações cada. Líder de indicações no Globo de Ouro, “Vice” (Idem – 2018) concorre a seis prêmios, seguido por “Infiltrado na Klan” (BlacKkKlansman – 2018), com cinco indicações.

 

Lady Gaga e Bradley Cooper protagonizam “Nasce Uma Estrela”, que marca a estreia de Cooper na direção (Foto: Divulgação).

 

Dentre os indicados, a surpresa é a cinebiografia do astronauta Neil Armstrong, “O Primeiro Homem”, cuja presença na atual temporada de premiações tem sido discreta. Dirigido por Damien Chazelle, de “La La Land – Cantando Estações” (La La Land – 2016), o longa estreou há alguns meses como um dos títulos mais fortes para o período de prêmios.

 

É válido ressaltar que apenas a categoria de estrela em ascensão (EE Rising Star Award) terá seu vencedor escolhido por voto popular no site do BAFTA.

 

Apresentada por Joanna Lumley, a 72a cerimônia de entrega do BAFTA Awards será realizada no dia 10 de fevereiro no Royal Albert Hall, em Londres, Inglaterra.

 

Confira a lista de indicados:

Melhor filme:

– “A Favorita”;

– “Infiltrado na Klan”;

– “Nasce Uma Estrela”;

– “Roma”;

– “Green Book: O Guia” (Green Book – 2018).

Melhor filme britânico (Alexander Korda Award):

– “Bohemian Rhapsody”;

– “Beast” (Idem – 2018);

– “A Favorita”;

– “McQueen” (Idem – 2018);

– “Stan & Ollie” (Idem – 2018);

– “Você Nunca Esteve Realmente Aqui” (You Were Never Really Here – 2018).

Melhor direção (David Lean Award):

– Spike Lee – “Infiltrado na Klan”;

– Bradley Cooper – “Nasce Uma Estrela”;

– Yorgos Lanthimos – “A Favorita”;

– Alfonso Cuarón – “Roma”;

– Paweł Pawlikowski – “Guerra Fria” (Zimna wojna – 2018).

Melhor ator:

– Bradley Cooper – “Nasce Uma Estrela”;

– Rami Malek – “Bohemian Rhapsody”;

– Viggo Mortensen – “Green Book: O Guia”;

– Christian Bale – “Vice”;

– Steve Coogan – “Stan & Ollie”.

Melhor atriz:

– Glenn Close – “A Esposa” (The Wife – 2018);

– Lady Gaga – “Nasce Uma Estrela”;

– Olivia Colman – “A Favorita”;

– Viola Davis – “As Viúvas” (Widows – 2018);

– Melissa McCarthy – “Poderia Me Perdoar?” (Can You Ever Forgive Me? – 2018).

Melhor ator coadjuvante:

– Adam Driver – “Infiltrado na Klan”;

– Mahershala Ali – “Green Book: O Guia”;

– Richard E. Grant – “Poderia me perdoar?”;

– Sam Rockwell – “Vice”;

– Timothée Chalamet – “Querido Menino” (Beautiful Boy – 2018).

Melhor atriz coadjuvante:

– Amy Adams – “Vice”;

– Claire Foy – “O Primeiro Homem”;

– Emma Stone – “A Favorita”;

– Margot Robbie – “Duas Rainhas” (Mary Queen os Scots – 2018);

– Rachel Weisz – “A Favorita”.

Melhor roteiro original:

– “A Favorita” – Deborah Davis e Tony McNamara;

– “Guerra Fria” – Janusz Glowacki e Pawel Pawlikowski;

– “Green Book: O Guia” – Brian Hayes Currie, Peter Farrelly e Nick Vallelonga;

– “Roma” – Alfonso Cuarón;

– “Vice” – Adam McKay.

Melhor roteiro adaptado:

– “Infiltrado na Klan” – Spike Lee, David Rabinowitz, Charlie Wachtel e Kevin Willmott;

– “Nasce uma Estrela” – Bradley Cooper, Will Fetters e Eric Roth;

– “O Primeiro Homem” – Josh Singer;

– “Poderia Me Perdoar?” – Nicole Holofcener e Jeff Whitty;

– “Se a Rua Beale Falasse” (If Beale Street Could Talk – 2018) – Barry Jenkins.

Melhor documentário:

– “Free Solo” (Idem – 2018) – Elizabeth Chai Vasarhelyi e Jimmy Chin;

– “McQueen” – Ian Bonhôte e Peter Ettedgui;

– “RBG” (Idem – 2018) – Julie Cohen e Betsy West;

– “They Shall Not Grow Old” (Idem – 2018) – Peter Jackson;

– “Três Estranhos Idênticos” (Three Identical Strangers – 2018) – Tim Wardle, Grace Hughes-Hallett e Becky Read.

Estrela em ascensão (EE Rising Star Award):

– Barry Keoghan;

– Cynthia Erivo;

– Jessie Buckley;

– Lakeith Stanfield;

– Letitia Wright.

Melhor estreante (Diretor, roteirista ou produtor britânico):

– Daniel Kokotajlo (diretor e roteirista) – “Apostasy” (Idem – 2018);

– Michael Pearce (diretor e roteirista) e Lauren Dark (produtora) – “Beast”;

– Chris Kelly (diretor, produtor e roteirista) – “A Cambodian Spring” (Idem – 2016);

– Leanne Welham (diretora e roteirista) e Sophie Harman (produtora) – “Pili” (Idem – 2018);

– Richard Billingham (diretor e roteirista) e Jacqui Davies (produtora) – “Ray & Liz” (Idem – 2018).

Melhor filme em língua não-inglesa:

– “Cafarnaum” (Capharnaüm – 2018, Líbano);

– “Roma” (Idem – 2018, México);

– “Assunto de Família” (Manbiki kazoku – 2018, Japão);

– “Guerra Fria” (Zimna wojna, 2018 – Polônia);

– “Dogman” (Idem – 2018, Itália).

Melhor animação:

– “Homem-Aranha no Aranhaverso” (Spider-Man: Into the Spider-Verse – 2018);

– “Ilha dos Cachorros” (Isle of Dogs – 2018);

– “Os Incríveis 2” (Incredibles 2 – 2018).

Melhor trilha sonora original:

– “Ilha dos Cachorros” – Alexandre Desplat;

– “O Retorno de Mary Poppins” – Marc Shaiman;

– “Nasce uma Estrela” – Bradley Cooper, Lady Gaga e Lukas Nelson;

– “Infiltrado na Klan” – Terence Blanchard;

– “Se a Rua Beale Falasse” – Nicholas Britell.

Melhor direção de fotografia:

– “A Favorita” – Robbie Ryan;

– “Bohemian Rhapsody” – Newton Thomas Sigel;

– “Guerra Fria” – Lukasz Zal;

– “O Primeiro Homem” – Linus Sandgren;

– “Roma” – Alfonso Cuarón.

Melhor edição:

– “A Favorita” – Yorgos Lanthimos;

– “Bohemian Rhapsody” – John Ottman;

– “O Primeiro Homem” – Tom Cross;

– “Roma” – Adam Gough e Alfonso Cuarón;

– “Vice” – Hank Corwin.

Melhor design de produção:

– “A Favorita” – Fiona Crombie e Alice Felton;

– “Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald” (Fantastic Beasts: The Crimes of Grindelwald – 2018) – Stuart Craig e Anna Pinnock;

– “O Primeiro Homem” – Nathan Crowley e Kathy Lucas;

– “O Retorno de Mary Poppins” (Mary Poppins Returns – 2018) – John Myhre e Gordon Sim;

– “Roma” – Eugenio Caballero e Barbara Enriquez.

Melhor figurino:

– “A Balada de Buster Scruggs” (The Ballad of Buster Scruggs – 2018) – Mary Zophres;

– “A Favorita” – Sandy Powell;

– “Bohemian Rhapsody” – Julian Day;

– “Duas Rainhas” – Alexandra Byrne;

– “O Retorno de Mary Poppins” – Sandy Powell.

Melhor maquiagem e cabelo:

– “A Favorita” – Nadia Stacey;

– “Bohemian Rhapsody” – Jan Sewell e Mark Coulier;

– “Duas Rainhas” – Jenny Shircore;

– “Stan & Ollie” – Mark Coulier e Jeremy Woodhead;

– “Vice” (Os nomes dos profissionais não foram divulgados. No site oficial consta apenas “TBC”).

Melhor som:

– “Bohemian Rhapsody” – John Casali, Tim Cavagin, Nina Hartstone, Paul Massey e John Warhurst;

– “Missão: Impossível – Efeito Fallout” (Mission: Impossible – Fallout – 2018) – Gilbert Lake, James Mather, Chris Munro e Mike Prestwood Smith;

– “Nasce uma Estrela” – Steven Morrow, Alan Robert Murray, Jason Ruder, Tom Ozanich e Dean A. Zupancic;

– “O Primeiro Homem” – Mary H. Ellis, Mildred Iatrou, Ai-Ling Lee, Frank A. Montaño e Jon Taylor;

– “Um Lugar Silencioso” – Erik Aadahl, Michael Barosky, Brandon Proctor e Ethan Van der Ryn.

Melhores efeitos visuais:

– “Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald” – Tim Burke, Andy Kind, Christian Manz e David Watkins;

– “Jogador Nº 1” (Ready Player One – 2018) – Matthew E. Butler, Grady Cofer, Roger Guyett e David Shirk;

– “O Primeiro Homem” – Ian Hunter, Paul Lambert, Tristan Myles e J.D. Schwalm;

– “Pantera Negra” – Geoffrey Baumann, Jesse James Chisholm, Craig Hammack e Daniel Sudick;

– “Vingadores: Guerra Infinita” (Avengers: Infinity War – 2018) – Dan DeLeeuw, Russell Earl, Kelly Port e Daniel Sudick.

Melhor curta-metragem de animação:

– “I’m OK” (Idem – 2018) – Elizabeth Hobbs, Abigail Addison e Jelena Popovic;

– “Marfa” (Idem – 2018) – Greg McLeod e Myles McLeod;

– “Roughhouse” (Idem – 2018) – Jonathan Hodgson e Richard Van Den Boom.

Melhor curta-metragem britânico:

– “73 Cows” (Idem – 2018) – Alex Lockwood;

– “Bachelor, 38” (Idem – 2018) – Angela Clarke;

– “The Blue Door” (Idem – 2018) – Ben Clark, Megan Pugh e Paul Taylor;

– “The Field” (Idem – 2018) – Sandhya Suri e Balthazar de Ganay;

– “Wale” (Idem – 2018) – Barnaby Blackburn, Sophie Alexander, Catherine Slater e Ed Speleers.

 

Leia também:

DGA Awards 2019: Bradley Cooper em dose dupla

WGA Awards 2019: confira a lista de indicados

Globo de Ouro 2019: ‘Bohemian Rhapsody’ e ‘Green Book: O Guia’ são os vencedores

PGA Awards 2019: ‘Pantera Negra’, ‘Roma’ e ‘Nasce Uma Estrela’ são indicados

Comentários




mais notícias

    gl