Por problema causado por helicóptero, casal da Rosas de Ouro não será penalizado; assista

Desfile 2019 da Rosas de Ouro. Foto: SRzd – Cláudio L. Costa

Durante a apresentação do primeiro casal de mestre-sala e porta-bandeira da Rosas de Ouro, Edgar e Isabel, no desfile da escola pelo Grupo Especial de São Paulo na madrugada do último domingo (3), um helicóptero provocou uma forte onda de vento complicando a dança, principalmente, de Isabel, que teve muita dificuldade para conseguir conduzir o pavilhão e executar a coreografia.

Em uma reunião realizada na Liga Independente das Escolas de Samba nesta segunda, ficou definido que, caso aja alguma penalização em decorrência desta situação, registrada em frente ao julgador da torre 6, será desconsiderada. Assista ao momento do incidente:

A agremiação apresentou o enredo: “Viva Hayastan”. Traduzido, Hayastan quer dizer Armênia, em armênio. Esse é o título da história que foi desenvolvida pelo carnavalesco André Machado e apresentada ao público em sete atos.

+ veja como foi o desfile da Rosas de Ouro

Comentários




    gl