‘Paraíso Paraibano’: leia a sinopse do enredo da Dragões da Real 2023

Logotipo do enredo da Dragões da Real 2023. Foto: Divulgação

Logotipo do enredo da Dragões da Real 2023. Foto: Divulgação

Em busca de seu primeiro título no Grupo Especial do Carnaval de São Paulo, a Dragões da Real lançou o seu enredo para o desfile do próximo ano na noite deste sábado (25), durante “Festa Junina” realizada em sua quadra social.

“Paraíso Paraibano. João Pessoa a porta do sol das Américas” é o título do tema que será desenvolvido pelo carnavalesco Jorge Freitas, que fará sua estreia pela escola que será a última a se apresentar no sábado, dia 18 de fevereiro, no Sambódromo do Anhembi.

Leia a sinopse do enredo:

Chega! Chega! Se aconchega e não se avexe, não! Vamos juntos arribar nas asas do dragão, num bigu transcendental! S’imbora conhecer o paraíso, João Pessoa, Jampa, a porta do sol, a namorada do Brasil, onde o sol nasce primeiro, o lado mais oriental dessa terra, onde o azul do céu é mais anil…

Na beira do Sanhauá é possível espiar o luar refletido em suas águas que correm a caminho do mar. Dá gosto de ver que beleza assim não há, pois são coisas típicas desse lugar! Isso se reflete também em sua gente arretada, feliz e festeira, que escancara simpatia com seu sorriso que encanta levantando com orgulho a bandeira paraibana!

Na batida da zabumba, a cidade velha acorda com seu canto secular:
É um zum, zum, zum, zunido
É um Tre-le-le

Abram alas que elas vão passar… No voo das Muriçocas espalhando alegria e contagiando o palco da folia, vem brincar no meu carnaval com confete e serpentina. O clima esquenta nas ruas, o chão treme na quarta-feira mais quente que já tivera. E nela, a cultura popular se manifesta!

É fogo, é fogo, é fogo
É um Tre-le-le
É um zum, zum, zum, de novo

O povo nas ruas em festa vestidos de ursas ou brincam no bloco dos arlequins verdejantes ou no bloco das acácias da primavera.

Eta-pera, acabou a espera! É só rala bucho a noite inteira, dançando xaxado, na folia dessa gente festeira. Arrasta pé… forroziando na capital mundial da quadrilha junina para alegrar e divertir o povo do cariri! O paraibano se anima, mas também reza em oração: “Que Nossa Senhora das Neves derrame suas graças e nos conceda a proteção”.

Puxa o fole sanfoneiro e toque o ganzá para o Santo Antônio, São Pedro e São João iniciar! É festa, é dança, é manifestação cultural… tudo junto e misturado no maior dos arraiais!

Sentir a brisa do vento à beira mar, faz ressaltar muitas belezas desse lugar! Aqui a diversidade verdadeira também se apresenta na arte popular e no artesanato local, fazendo de João Pessoa um lugar mais que especial. Suas cores em algodão, sua história, seus temperos e seus sabores que são impossíveis de nossa memória apagar. A capital mais verde do país tem muito para ensinar: viver entre o antigo e o moderno com charme e elegância, ao som do canto de seus pássaros, preservando o nativo e a sua herança, o verde e a esperança. S’imbora escancarar para o Brasil que o nordeste é de lascar o cano! Beleza igual não há, isso ninguém contradiz! Por isso posso, vou afirmar: João Pessoa é igual a Dragões da Real, paraíso de gente feliz!

Assista o lançamento:

Em 2022, a Dragões da Real levou para o Sambódromo do Anhembi o enredo “Adoniran”, desenvolvido pelo carnavalesco Jorge Silveira e terminou a disputa em sétimo lugar.

+ Veja como foi o desfile

Leia também:

+ Grupo Especial: Veja a ordem de desfiles no Carnaval de São Paulo 2023

Comentários

 




    gl