‘Pai! Perdoai, eles não sabem o que fazem!’ é o enredo da Mancha Verde para 2020

Mancha Verde 2020. Foto: Divulgação

Mancha Verde 2020. Foto: Divulgação

Em busca do bi-campeonato, a Mancha Verde divulgou na noite deste sábado (2) o seu enredo para o Carnaval de 2020.

A história que será desenvolvida pelo carnavalesco Jorge Freitas, artista que irá assinar o seu segundo trabalho na agremiação liderada por Paulo Serdan, tem como título: “Pai! Perdoai, eles não sabem o que fazem!”. O desfile promete provocar uma reflexão tendo como fio condutor o ser humano e suas atitudes.

+ “O ser humano é o fio condutor do enredo”, diz Jorge Freitas

+ Paulo Serdan revela dia e posição do desfile da Mancha Verde para o Carnaval de 2020

+ Galeria de Fotos do evento

+ Vídeo: melhores momentos da apresentação do enredo da Mancha Verde 2020

+ “Ninguém passou na Avenida perfeito até hoje”, afirma presidente da Mancha Verde

O lançamento aconteceu em festa realizada na quadra social da verde e branca. Após dois meses de ensaio, mais de 300 integrantes da comunidade apresentaram um espetáculo que foi bastante aplaudido pelo público presente.

Lançamento do enredo 2020 da Mancha Verde. Foto: SRzd – Bruno Giannelli

Além da participação de praticamente todos os segmentos da escola, a exibição contou com diversos efeitos especiais. Fantasiados, os integrantes fizeram apresentações musicais e encenações para apresentar uma síntese do tema que irá ilustrar o próximo desfile no sambódromo do Anhembi no próximo ano. O evento ainda contou com a presença da rainha Viviane Araújo e marcou a estreia de Guma Sena no comando da bateria “Puro Balanço.

Confira o logotipo oficial do enredo:

Logotipo do enredo da Mancha Verde 2020. Foto: Divulgação
Logotipo do enredo da Mancha Verde 2020. Foto: Divulgação

Mudança no time campeão

Tiveram suas manutenções confirmadas, o carnavalesco Jorge Freitas, o intérprete Fredy Vianna, os coreógrafos Marcos Aurélio e Wender Luciano, além do primeiro casal de mestre-sala e porta-bandeira Marcelo Luiz e Adriana Gomes.

Vinícius Martins Lima, mais conhecido como Maradona, não permaneceu como mestre de bateria para o Carnaval 2020. Em seu lugar, foi contratado Guma Sena. que nos últimos cinco anos liderou os ritmistas da Acadêmicos do Tucuruvi. Ao SRzd, a assessoria da agremiação justificou a troca como opção da diretoria.

Em 2019 a Mancha Verde apresentou o enredo “Oxalá, salve a princesa! A saga de uma guerreira negra” e conquistou o seu primeiro título do Grupo Especial. Relembre o desfile

Comentários




    gl