Mestre-sala Jefferson Gomes realiza sonho ao aceitar convite para bailar no Carnaval do Rio

Jefferson Gomes. Foto: Acervo pessoal

Jefferson Gomes. Foto: Acervo pessoal

Para o Carnaval de 2020, quando retorna à Marquês de Sapucaí, a escola de samba Acadêmicos de Vigário Geral contará com um paulistano como mestre-sala principal. Trata-se de Jefferson Gomes, que em São Paulo, exerce a mesma função na Mocidade Unida da Mooca, agremiação que integra o Grupo de Acesso 1.

No Carnaval de 2019, a Acadêmicos de Vigário Geral apresentou o enredo “Mwene Kongo – O Reino Europeu na África que se tornou Folclore no Brasil”, desenvolvido pelos carnavalescos Alexandre Costa, Lino Sales e Marcus Vinicius do Val, que contou a história do congado no Brasil.

Com uma apresentação correta, a escola se sagrou a campeã da Série B com 269,4 pontos, conquistando assim a inédita vaga para a Série A. O pavilhão oficial teve como guardiões, Diego Jenkins e Cris Soares. A diretoria, liderada pela presidente Elizabeth da Cunha, a Betinha, ainda não anunciou o nome da parceira de dança de Jefferson. O desfile será na sexta-feira, dia 21 de fevereiro.

“É a realização de sonho de menino. O sonho sempre foi chegar na Sapucaí por reconhecimento e mérito. Estou realizando. Agora é trabalhar pra entregar um trabalho a altura da oportunidade que foi me dada”, disse Jefferson que ganhou o Prêmio SRzd Carnaval SP 2015 na categoria revelação, e contabiliza passagens pela Nenê de Vila Matilde, Unidos do Peruche, agremiações da Baixada Santista e 13 anos de bailado na Mocidade Alegre.

A imagem pode conter: Jefferson Gomes, sorrindo, em pé

Comentários




    gl