Cantando lenda, Leandro de Itaquera faz desfile correto no Anhembi

Desfile 2019 da Leandro de Itaquera. Foto: SRzd – Cláudio L. Costa

A Zona Leste continuou protagonista nos desfiles do Grupo de Acesso 1 2019 em São Paulo, na madrugada desta segunda-feira (4), no sambódromo do Anhembi, após a passagem da Nenê de Vila Matilde.

“Ubatuba, o reconto do caboclo sob a luz do luar”, foi o tema trazido pela Leandro de Itaquera logo depois da passagem da Nenê de Vila Matilde.

Quinta escola a se apresentar na Avenida, a Leandro fez uma exibição correta, simples, mas eficiente diante dos critérios de julgamento do concurso.

+ galeria de fotos do desfile da Leandro

+ vídeo: largada do desfile 2019 da Leandro

Presidente
Seo Leandro

Comissão de Carnaval
Denildo (criação de alegorias), Gemilson Durval e Dinei (direção de fantasias), Guilherme Estevão (criação visual), Augusto Oliveira (decoração de fantasias) e Leomax Castro (criação de fantasias específicas)

Intérprete
Juninho Branco

Coreógrafo de comissão de frente
Zanza Santos

1º casal de MSPB
José Luiz e Juliana

Mestre de bateria
Pelé

O argumento proposto pela Leandro abordou uma lenda, que trata do amor de uma índia por um negro escravo.

Dessa paixão, nasceu o caboclo Ubatuba, personagem central da história itaquerense e entidade da Umbanda, da falange de Oxalá.

Nas alegorias e fantasias, a história foi contada através de elementos e materiais simples, que embora com alguns problemas de acabamento, principalmente nos carros, não trouxeram maiores preocupações para a escola nesse módulo de avaliação.

No ano de 2019 a Leandro completou cinco Carnavais distante da divisão de elite.

No ano passado, ficou com um “perigoso” sexto lugar no Acesso 1, flertando com o Acesso 2. O rebaixamento não veio por uma diferença de apenas seis décimos, mesma classificação obtida em 2016.

Nativa de um dos mais povoados bairros da capital e da mais populosa região de toda a cidade de São Paulo, a Zona Leste, a vermelha e branca segue em busca de reencontrar-se dentro das disputas carnavalescas.

A Leandro, através de sua diretoria, promoveu alterações importantes no elenco na comparação com 2018. Por outro lado, manteve algumas peças relevantes do time.

Entre renovações e novidades, destaque para a opção de abrir mão de um carnavalesco, nos moldes mais usuais, e contar com uma comissão para a concepção e execução do desfile: Denildo (criação de alegorias), Gemilson Durval e Dinei (direção de fantasias), Guilherme Estevão (criação visual), Augusto Oliveira (decoração de fantasias) e Leomax Castro (criação de fantasias específicas).

Para comandar a comissão de frente, chegou Zanza Santos. Na direção de harmonia, um trio, formado por Pica Pau, Maurício e Jenifer. Nos demais departamentos, Paulão esteve a frente do setor de alegorias e a direção geral de Carnaval foi de Fábio Flisch.

Seguiram na vermelha e branca o mestre de bateria Pelé, o primeiro casal de mestre-sala e porta-bandeira José Luiz e Juliana, e o intérprete oficial Juninho Branco.

A obra da vermelha e branca neste ano levou a assinatura de autores conhecidos, que também carimbam sambas de outras coirmãs nesta safra; Morganti, Tubino, Sukata, André Filosofia, Jairo, André Valêncio, Evandro Malandro, Wilson Bizzar, Robson Cezar e Meiners.

No conjunto, a Leandro foi eficiente, tanto na harmonia, quanto na evolução. Nos diferentes setores, não apresentou maiores prolemas e fechou sua apresentação aos 60 minutos.

+ galerias de foto

+ comissão de frente

+ primeiro casal de MSPB

+ alegorias

A partir das 14h30 da próxima terça-feira (5), o portal SRzd transmite ao vivo, em parceria com a Rádio Trianon AM 740, a apuração dos desfiles das escolas de samba do Carnaval de São Paulo 2019.

Pelo oitavo ano consecutivo os destaques dos desfiles das escolas de samba da cidade de São Paulo receberão troféu exclusivo, oferecido pelo portal SRzd.

Voto popular e análise da equipe SRzd, que acompanha os bastidores das escolas de samba durante todo o ano; a somatória destes dois levantamentos vai determinar o resultado do Prêmio SRzd Carnaval SP 2019, ação que valoriza a cultura do samba na capital paulista e seus protagonistas. Em caso de empate, prevalece sempre o voto dos profissionais do SRzd.

A votação popular, que estará disponível através de enquete na página da editoria do Carnaval de São Paulo no SRzd, será aberta após o final do último desfile dos Grupos Especial e de Acesso 1. O resultado será divulgado na terça-feira (5), antes da apuração oficial pela Liga Independente das Escolas de Samba. Clique aqui e conheça todas as categorias.

+ confira a ordem completa de desfiles no Anhembi

+ Domingo, 3 de março

1ª – 21h – Mocidade Unida da Mooca
2ª – 22h – Independente Tricolor
3ª – 23h – Barroca Zona Sul
4ª – 0h – Nenê de Vila Matilde
5ª – 1h – Leandro de Itaquera
6ª – 2h – Camisa Verde e Branco
7ª – 3h – Unidos do Peruche
8ª – 4h – Pérola Negra

Grupo de Acesso 2

+ Segunda-feira, 4 de março

1ª – 20h – Primeira da Cidade Líder
2ª – 20h50 – Amizade Zona Leste
3ª – 21h40 – Torcida Jovem
4ª – 22h30 – Estrela do Terceiro Milênio
5ª – 23h20 – Unidos de Santa Bárbara
6ª – 0h10 – Tradição Albertinense
7ª – 1h – Uirapuru da Mooca
8ª – 1h50 – Imperador do Ipiranga
9ª – 2h40 – Camisa 12
10ª – 3h30 – Combinados de Sapopemba
11ª – 4h20 – Dom Bosco
12ª – 5h10 – Morro da Casa Verde

+ veja os preços dos ingressos para todos os dias e setores de desfile em SP

Comentários




    gl