Estrela do Terceiro Milênio levará ao Anhembi uma homenagem aos artistas e história de Parintins

Garantido se apresenta na terceira noite de Festival de Parintins 2018. Foto: Leandro Nascimento/SRzd

Garantido se apresenta na terceira noite de Festival de Parintins 2018. Foto: Leandro Nascimento/SRzd

A escola de samba Estrela do Terceiro Milênio lançou seu enredo para o Carnaval de 2020 nesta terça-feira (9), em coletiva de imprensa realizada seu barracão, na Fábrica do Samba II, localizada na Zona Norte de São Paulo.

O título oficial do tema que será desenvolvido pelo carnavalesco Murilo Lobo é: “No coração da floresta nascem estrelas que brilham no meu Carnaval”.

+ “A cultura tem sido deixada de lado”, diz carnavalesco da Terceiro Milênio justificando o tema para 2020

O enredo será uma homenagem aos artistas do Festival de Parintins, que há anos contribuem com sua experiência nos movimentos em carros alegóricos em diversos Carnavais pelo Brasil, principalmente nas cidades de São Paulo e Rio.

Além disso, a escola do Grajaú contará na Avenida a história da cidade de Parintins, município brasileiro situado no Amazonas e na Ilha Tupinambarana. A cidade se tornou bastante conhecida devido ao Festival entre os bois Garantido e Caprichoso, realizado no mês de junho quando o município recebe turistas de todo o mundo.

Ao SRzd, o carnavalesco Murilo Lobo contou que a inspiração para a autoria do enredo surgiu após sua presença durante o último Festival de Parintins e que, até o momento, não existe nenhum patrocinador para o desfile.

“A Estrela do Terceiro Milênio não tem a característica de fazer enredos patrocinados. Nosso foco no Carnaval de 2020 é mostrar a criação, o talento e a inspiração dos artistas de Parintins. Além desta homenagem, faremos uma viagem que irá exaltar a riqueza histórica e cultural da região”, disse o artista reforçando que não se trata de um enredo alinhado com apoio financeiro do Governo da Amazônia ou da Prefeitura de Parintins.

Lançamento do enredo 2020 da Estrela do Terceiro Milênio. Foto: SRzd

Logotipo será escolhido através de concurso

Outra novidade divulgada, é que a logomarca do enredo 2020 será escolhida através de um concurso entre os artistas da cidade homenageada. O resultado será divulgado no dia 5 de maio, data de fundação da escola.

Compositores serão convidados para participar do processo de samba

No último Carnaval, Estrela do Terceiro Milênio reformulou o seu processo de escolha de samba-enredo, optando por convidar três times de compositores para disputar através de audições internas. O resultado foi aprovado pela diretoria e a fórmula será mantida.

“No Carnaval passado tivemos sucesso e vamos manter o formato para o próximo ano”, diz o diretor de Carnaval da escola, Carlos Pires, responsável pela condução do corpo técnico da agremiação.

Confira fotos do evento

(clique nas imagens para ver em tamanho ampliado)

Primeiro casal de mestre-sala e porta-bandeira e carnavalesco continuam em 2020

Após conquistar a vaga no Grupo de Acesso 1 com o título da divisão inferior em 2019, a direção da escola de samba Estrela do Terceiro Milênio já anunciou a manutenção carnavalesco Murilo Lobo e do primeiro casal de mestre-sala e porta-bandeira Daniel Vitro e Edilaine Campos. Durante o evento também foi confirmada a continuidade de Vaguinho no comando do carro de som.

Paula Gasparini assume o comando da comissão de frente

Nome conhecido no Carnaval de São Paulo há 20 anos, a bailarina Paula Gasparini assume a função de coreógrafa da comissão de frente da Estrela do Terceiro Milênio.

Além da artista que será responsável pela criação e direção da encenação que abrirá os desfiles do Grupo de Acesso 1 no próximo ano, também está confirmado o elenco de dançarinos da companhia de Paula para compor a nova comissão.

Paula Gasparini iniciou sua história na Sociedade Rosas de Ouro onde coreografou alas, os guardiões de casais de mestre-sala e porta-bandeira e deu aulas no projeto social “Samba se Aprende na Escola”. Por cinco anos coreografou a comissão de frente da Águia de Ouro, as alas e componentes de alegorias na Mocidade Alegre e Tom Maior e, por quatro anos, atuou como responsável da comissão de frente da Unidos do Peruche.

Bailarina Paula Gasparini vai comandar a comissão de frente da Estrela do Terceiro Milênio. Foto: Divulgação
Bailarina Paula Gasparini vai comandar a comissão de frente da Estrela do Terceiro Milênio. Foto: Divulgação

Mestre Veloso fará sua estreia à frente da bateria “Pegada da Coruja”

Após três anos à frente da bateria da Imperador do Ipiranga,  mestre Vitor Veloso aceitou o convite para comandar a bateria “Pegada da Coruja”.

Em 2000, estreou na bateria da X-9 Paulistana, onde foi diretor, permanecendo até 2006. No mesmo ano, até 2013, defendeu as cores da Sociedade Rosas de Ouro. Em 2014, foi diretor na Acadêmicos do Tucuruvi, Imperador do Ipiranga e Dragões da Real. Em paralelo ao segmento da folia, já participou de shows internacionais na Coreia do Sul e Guatemala.

Mestre Veloso – Estrela do Terceiro Milênio. Foto: Divulgação.

Em 2019 a Estrela do Terceiro Milênio apresentou o enredo “Coragem! Somos nós que fazemos a vida”. Relembre o desfile.

Comentários




    gl