Escolas de Samba de São Paulo postam mensagens contra o preconceito racial

Punho. Foto: Getty Imagens

Nas redes sociais, escolas de samba do Carnaval de São Paulo postaram mensagens de combate ao preconceito racial.

O assuntou ganhou repercussão após protestos ocorridos nos Estados Unidos, devido a morte de George Floyd, que teve seu pescoço prensado pelo joelho de um policial.

Confira as publicações:







Comentários




    gl