Carolina de Jesus é o enredo da Colorado do Brás para 2021

Carolina de Jesus. Foto: Reprodução.

Décima segunda colocação do Grupo Especial paulistano em 2020, a Colorado do Brás anunciou nesta quinta-feira (2), através das redes sociais, seu enredo para o Carnaval 2021.

“Carolina – A Cinderela Negra do Canindé”, é o título da história que o carnavalesco André Machado desenvolverá no Sambódromo do Anhembi. Será sua estreia na agremiação, após quatro anos na coirmã Rosas de Ouro.

Carolina Maria de Jesus nasceu em 1914, na cidade de Sacramente (MG) e morreu em 1977, na cidade de São Paulo. Ela é considerada umas das primeiras escritoras negras do país.

Trabalhou boa parte de sua vida como catadora de papel e morava na favela do Canindé, na Zona Norte da capital paulista. Em 1960 ela lançou o livro “Quarto de Despejo”, que vendeu 10 mil cópias em uma semana.

A obra reproduz o diário de Carolina de Jesus, em que ela narra o seu dia a dia nas comunidades pobres da cidade de São Paulo. Em seu relato, ela descreve a dor, o sofrimento, a fome e as angústias dos favelados. Seu texto é considerado um dos marcos da escrita feminina no Brasil.

Assista a breve explanação feita pelo carnavalesco:

No Carnaval de 2020, a Colorado apresentou na Avenida o enredo “Que Rei sou eu?”. Clique aqui para relembrar o desfile.




Comentários

 




    gl