Sem chapa de Regina Celi, Justiça determina posse de André Vaz como novo presidente do Salgueiro

André Vaz durante eleição no Salgueiro. Foto: Max Gomes/SRzd

André Vaz disputou eleição no Salgueiro em maio. Foto: Max Gomes/SRzd

Por decisão do Desembargador Werson Rêgo, da 25ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, o Salgueiro põe fim a novela eleitoral que se arrasta desde maio e terá um novo presidente: André Vaz da Silva. O veredito saiu na tarde desta quinta-feira (13). De acordo com o desembargador, cabe ao interventor da agremiação, Jomar Casemiro, responsável pelo processo eleitoral, empossar o novo presidente. O motivo é a não inscrição da Chapa 1, originalmente encabeçada pela ex-mandatária Regina Celi.

Deverá o Presidente Interino, proclamar vencedora do pleito eleitoral a Chapa 2

“Destarte, deverá o Presidente Interino, proclamar vencedora do pleito eleitoral a Chapa 2, lavrando-se a respectiva ata, empossando-se os respectivos membros e, assim, dando-se por encerrado o processo eleitoral iniciado em 06/05/2018”, escreveu Rêgo na decisão.

A Chapa 1, entitulada “A chama que não se apaga”, tinha até 10 de dezembro para se inscrever ao pleito que seria realizado neste domingo (16), das 9h as 16h, na quadra da agremiação. No lugar da inscrição, a turma encabeçada por Regina Celi resolveu impetrar um mandado de segurança na tentativa de suspender a eleição. Contudo, nesta terça (11), a desembargadora Maria Inês da Penha Gaspar negou o pedido.

Sem chapa concorrente e com a ex-presidente considerada inelegível pelos tribunais, já que se encaminhava para um quarto mandato consecutivo na vermelho e branco, a Chapa 2, “Salgueiro, minha paixão, minha raiz”, deverá assumir a escola nos próximos dias, a menos de 3 meses para o Carnaval 2019.

Regina Celi Fernandes Duran comandou a agremiação desde 2009. Em maio deste ano, sua chapa havia vencido a oposição por 247 votos a 124. Dias depois, ela teve sacramentada sua inelegibilidade.

Regina Celi durante eleição no Salgueiro. Foto: Max Gomes/SRzd
Regina Celi durante eleição em maio no Salgueiro. Foto: Max Gomes/SRzd

Relembre a disputa eleitoral do Salgueiro

– Regina Celi é reeleita presidente do Salgueiro

– Justiça torna presidente Regina Celi do Salgueiro inelegível, diz jornal

– Justiça decide por nova eleição no Salgueiro

– Vice da chapa de Regina Celi no Salgueiro se pronuncia e defende novas eleições

– Após pedir nova eleição, vice-presidente do Salgueiro volta atrás

– Salgueiro: parecer da comissão eleitoral determina afastamento da presidente Regina Celi

– Após decisão da justiça, Regina Celi deixa presidência do Salgueiro e chapa 2 assume

– Regina Celi consegue recurso e volta à presidência do Salgueiro

– Justiça proíbe Regina Celi de continuar no Salgueiro; assembleia pode empossar oposição

– Interpretação sobre decisão judicial volta a gerar polêmica no Salgueiro

– Salgueiro terá novo presidente em 25 de novembro

– Salgueiro não terá nova eleição para presidente neste domingo

– De novo! Justiça afasta Regina Celi e marca nova eleição para 16 de dezembro

Comentários




    gl