Pastor evangélico será uma das faces de Jesus Cristo no desfile da Mangueira

Pastor Henrique Vieira junto do carnavalesco Leandro Vieira. Foto: Divulgação

Enquanto uma parcela da sociedade insiste em separar religião e Carnaval, a Estação Primeira de Mangueira, que contará a vida de Jesus em 2020, contará com a participação do Pastor Henrique Vieira em seu desfile. O religioso representará uma das fases de Cristo na apresentação da verde e rosa.

Pastor da Igreja Batista do Caminho, Henrique Vieira, que também é ator, teatrólogo e historiador, também ajudou o carnavalesco Leandro Vieira no desenvolvimento do enredo “A verdade vos fará livre”. O religioso assessorou Leandro na compreensão e pesquisa da biografia de Jesus Cristo, que terá sua vida atualizada para os dias atuais na proposta da agremiação.

“O enredo me motivou e emocionou. O mais interessante é que em uma época em que se prega um Jesus bélico e intolerante, a Mangueira leva para a Sapucaí um Jesus mais parecido com o que está na Bíblia. Jesus é esse que ama incondicionalmente e se compromete, principalmente, com os mais vitimizados. Vejo respeito, seriedade e coerência bíblica por parte da Mangueira”, afirmou Henrique Vieira.

O pastor, torcedor assumido da verde e rosa, se posicionou contrário à rixa entre religião e Carnaval: “Tudo depende de como olhamos e a disposição do nosso olhar. Acredito que é uma festa popular, que promove ocupação criativa das ruas. O fato de discordar de eventuais atitudes não precisa me desvincular do Carnaval como um todo. O preconceito vem, muitas vezes, por parte do fundamentalismo religioso, que generaliza”.

Além de Henrique Vieira, a Mangueira também convidou os atores Lázaro Ramos e Humberto Carrão para viver Jesus Cristo em seu desfile deste ano. A agremiação será a terceira a se apresentar no domingo de Carnaval, 23 de fevereiro, pelo Grupo Especial.

Comentários




    gl