Jorge Castanheira desiste de renúncia e permanece como presidente da Liesa

Jorge Castanheira. Foto: SRzd

Com a ‘desvirada’ de mesa e o rebaixamento da Imperatriz, Jorge Castanheira desistiu de renunciar à presidência da Liga Independente das Escolas de Samba (Liesa) e optou por seguir no cargo até o final do seu mandato, que termina 2021.

Em entrevista coletiva ao final da assembleia desta quarta-feira (10), Castanheira contou que houve um pedido para que voltasse atrás na decisão e permanecesse à frente da entidade. Depois da aclamação dos dirigentes presentes na plenária, ele decidiu seguir no comando da Liesa.

“Ao final da reunião foi solicitada minha permanência. A gente está aqui disposto a ajudar e dar continuidade a tudo que fazemos. Eu tinha condicionado a minha renuncia à virada de mesa, por conta dos compromissos assinados. Ao final houve uma aclamação para eu não entrar com carta de renúncia”, disse o – de volta ao cargo – presidente da Liesa.

Comentários




    gl