Morre o intérprete Sobrinho

Sobrinho fez história na Unidos da Tijuca. Foto: Reprodução

O cantor Fábio Crispiniano do Nascimento, conhecido como Sobrinho, morreu na noite deste sábado (14), em sua casa na Tijuca, zona norte do Rio, vítima de um infarto fulminante. Sobrinho, de 67 anos, interpretou sambas na Mangueira e na Unidos da Tijuca.

O artista ficou conhecido como Sobrinho quando frequentava a quadra da Mangueira nos anos 70 e, para conseguir subir ao palco para cantar, dizia que era sobrinho do cantor Jamelão. Nos anos 80, no auge da carreira cantando pela Unidos da Tijuca, chegou a ser elogiado pelo rei Roberto Carlos como um dos grandes intérpretes do Carnaval carioca.

Sobrinho lutava contra a diabetes que praticamente lhe tirou a visão há muitos anos.

O enterro será no cemitério do Caju. A família ainda não informou o horário.

Comentários




    gl