Imperatriz 2021: samba concorrente de Nino Smith e cia

Logo da Imperatriz Leopoldinense para o Carnaval 2021. Foto: Divulgação

COMPOSITORES: Nino Smith, Diogo Silva, Dr° Paulo Larré, Cosme Vagareza e Fábio Ramos

Reluzente no teatro da avenida,
Anjo barroco, ouro do municipal,
“Vem cá menino, deixa eu ler a tua mão”, e na linha do destino, bordou uma nação!
Requinte, cenários de encanto, luxo sem igual!
Na academia um “Chico” é rei
O sonho do artista realidade
Xica da Silva para eternidade

De aprendiz foi professor
Exaltando a africanidade
E um Brasil “descobre” a sua arte
De todas as cores e raças fez seu estandarte
Arlequins e querubins, no divino foi buscar a primeira estrela guia a brilhar
Num celeiro de poetas fez história
colheu as “rosas” da vitória.

Caô meu pai, caô meu bem
Vim da costa do marfim
Ver o que a Bahia tem!
Caô meu pai, meu pai Xangô
A estrela Dalva brilha
Nessa noite de esplendor

Caô meu pai, caô meu bem
Vim da costa do marfim
Ver o que a Bahia tem!
Caô meu pai, o futuro Deus dirá
Sempre Dez, eterno Trinta
“Um canto se ouve no ar!”

Vou me embora Imperatriz
Vou no trem da alegria
No meu sonho tão feliz
Ramos foi a minha vida
Peço a nossa senhora
Pra abençoar
Que a força da sua presença
Seja sempre meu olhar

Comentários

 




    gl