Globo avança em negociações e deve continuar na transmissão do Carnaval carioca

Logomarca do Carnaval Globeleza 2019. Foto: Reprodução

A Rede Globo de Televisão deve continuar como detentora dos direitos de transmissão do Carnaval carioca e exibir, para o Brasil e o mundo, os desfiles das escolas de samba da Série A e Grupo Especial de 2020. A emissora avançou nas negociações com a Liesa (liga do Especial) e Lierj (liga do Acesso) e está próxima de um acordo. A informação é do Observatório de Televisão.

O ideal era que, a essa altura do campeonato, o contrato já tivesse sido renovado. Porém, o imbróglio no Especial por conta da virada e desvirada de mesa e a mudança de diretoria da Lierj atrasaram as negociações. A Globo esperou os problemas se resolverem para conversar com as entidades. As reuniões já se iniciaram e o acordo com a Série A está bem próximo de ser fechado.

Apesar do interesse da Record TV em transmitir o espetáculo, as escolas de samba deixaram claro a preferência pela Globo e não pretendem fechar com outra emissora. Vale lembrar que a verba que o canal destina às agremiações, além de ser boa, é a primeira a cair na conta das escolas, o que permite que as agremiações comecem o projeto de Carnaval. Além disso, a Globo é a maior emissora do Brasil e garante grande visibilidade às escolas.

Nos últimos anos, o canal tem sido bastante criticado por sambistas pelo tratamento dado ao Carnaval carioca. Além de não transmitir ao vivo as primeiras escolas de cada noite de Série A e Grupo Especial, a Globo ainda acabou com a gravação das vinhetas e diminuiu o tempo de exibição delas na TV.

O retorno que o Carnaval dá à emissora ainda é grande. A apuração do Grupo Especial carioca de 2019 marcou 39 pontos na Grande Rio de Janeiro, uma das maiores audiências do ano.

Comentários




    gl