Durante o Carnaval, 11 pessoas foram identificadas e presas pelo sistema de reconhecimento facial

Polícia Militar. Foto: Divulgação

Polícia Militar. Foto: Divulgação

Rio. Durante o Carnaval 2024 onze pessoas foram identificadas e presas pelo sistema de reconhecimento facial implantado pelo Estado do Rio nos dias de folia.

O número representa quase a metade do total de 24 presos desde que a tecnologia começou a ser usada. O caso mais recente aconteceu no sábado (17), quando um foragido foi preso por policiais militares do 6ºBPM (Tijuca), na Praça da Bandeira.

Outros dois foragidos foram detidos por policiais militares do 9ºBPM (Rocha Miranda) através do sistema de reconhecimento, no Campinho, durante os desfiles da Série Prata, na noite da última sexta-feira (16). Um dos criminosos estava com um mandado de prisão em aberto e foi encaminhado à 29ª DP.

O sistema de reconhecimento facial foi instalado pela polícia na Estrada Intendente Magalhães, Zona Norte do Rio de Janeiro, onde aconteciam os desfiles da Série Prata, a terceira divisão do Carnaval carioca.

Comentários

 




    gl