De novo! Justiça afasta Regina Celi e marca nova eleição para 16 de dezembro

Regina Celi está afastada do Salgueiro e Jomar Casemiro assume a presidência interina. Foto: Reprodução

Regina Celi está afastada do Salgueiro e Jomar Casemiro assume a presidência interina. Foto: Reprodução

O imbróglio judicial e eleitoral do Salgueiro daria um enredo. Em mais um setor da história que se arrasta desde maio, Regina Celi está novamente afastada do cargo de presidente da agremiação e novas eleições estão marcadas para o dia 16 de dezembro. A decisão desta quinta-feira (6) foi do desembargador da 25ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro Werson Rêgo. Caso a decisão não seja cumprida, Regina, considerada inelegível, terá multa diária de R$ 500 mil.

De acordo com o parecer da Justiça, o período entre o afastamento da mandatária e a realização da assembleia que elegerá a nova diretoria da vermelho e branco será comandado pelo vice-presidente da escola, Jomar Casemiro, conhecido como Jô. Ele assumirá a presidência interina do Salgueiro e será o responsável por dar prosseguimento ao processo eleitoral, de acordo com as normas estabelecidas pela decisão judicial. As chapas postulantes poderão se inscrever até 10 de dezembro.

Escola cancela ensaio

Via rede social, o Salgueiro comunicou que o ensaio de rua previsto para esta quinta (6) não acontecerá. O motivo não foi informado. “Comunidade, o ensaio desta quinta-feira (06) está cancelado”, disse a agremiação.

Nos comentários, torcedores pediram esclarecimento e falaram sobre o afastamento da presidente: “Diz o motivo do cancelamento, o povo merece saber. Eleições dia 16/12”, comentou um dos seguidores.

Relembre a disputa eleitoral do Salgueiro

– Regina Celi é reeleita presidente do Salgueiro

– Justiça torna presidente Regina Celi do Salgueiro inelegível, diz jornal

– Justiça decide por nova eleição no Salgueiro

– Vice da chapa de Regina Celi no Salgueiro se pronuncia e defende novas eleições

– Após pedir nova eleição, vice-presidente do Salgueiro volta atrás

– Salgueiro: parecer da comissão eleitoral determina afastamento da presidente Regina Celi

– Após decisão da justiça, Regina Celi deixa presidência do Salgueiro e chapa 2 assume

– Regina Celi consegue recurso e volta à presidência do Salgueiro

– Justiça proíbe Regina Celi de continuar no Salgueiro; assembleia pode empossar oposição

– Interpretação sobre decisão judicial volta a gerar polêmica no Salgueiro

– Salgueiro terá novo presidente em 25 de novembro

– Salgueiro não terá nova eleição para presidente neste domingo

Comentários




mais notícias

    gl