Caprichosos de Pilares está impedida de desfilar no Carnaval 2018

A escola de samba Caprichosos de Pilares ficará de fora do Carnaval do Rio pela primeira vez em seus 68 anos de história.

A notícia foi confirmada em nota pelo presidente da entidade Carlos Leandro que vive, há cinco anos, uma questão judicial envolvendo o ex-presidente da escola Gilberto Nilo. Ele explicou que a ata da última eleição não pôde ser registrada devido à burocracia decorrente de uma ação judicial em curso.

Sem nenhuma conquista no período em que esteve no Grupo Especial (16 anos), a Caprichosos de Pilares contabiliza quatro títulos, sendo duas conquistas no grupo A (1960 e 1982) e duas no grupo B (1971 e 2012).

Com o enredo “Oxum – Caprichosa senhora Deus das Águas Doces, que encanta, traz o amor e a prosperidade. lavando a alma do povo de Pilares”, a Caprichosos previa evar entre 400 e 500 componentes para o desfile na Intendente Magalhães.

Se não entrar na Avenida, a azul e branca será automaticamente rebaixada para o grupo D e a Liesb devolverá a verba que recebeu pela escola, cerca de R$ 40 mil, para a RioTur, que até o momento não se posionou sobre o assunto.

Leia a nota na íntegra:

Hoje o Desembargador se pronunciou a respeito do processo da nossa querida Caprichosos.

1) Percebendo que foi induzido ao erro, ele decidiu em CARÁTER DE URGÊNCIA E RISCO DE DANO DE DIFÍCIL REPARAÇÃO, restabeleceu o efeito suspensivo reconhecendo que os meus títulos são válidos, títulos esses que foram homologados por um Conselho Deliberativo legítimo averbado no RCPJ/RJ, publicado em diário oficial e respeitando o Estatuto da Escola.

2) INFELIZMENTE ele indeferiu o pedido para me nomear administrador da Escola até o trânsito em julgado do processo (até o processo acabar). É MUITO TRISTE mas não há tempo hábil para se resolver mais nada e por determinação da LIESB a Caprichosos está IMPEDIDA de desfilar no carnaval de 2018.

3) Desde março de 2017 venho fazendo tudo que eu posso, com o maior amor e carinho, gastando do meu próprio bolso, reformando nossa quadra, quitando dívidas, para que a nossa querida Caprichosos saia do buraco e apresente um carnaval digno! Pagando advogado para livrar a Escola definitivamente das mãos do Paulo de Almeida, Maria Alice Ramos, Gilberto Nilo e Daniel Bornéo. O advogado também está tendo bastante trabalho para fazer a defesa dos processos trabalhistas e execuções cíveis oriundos da má administração dos nomes citados a cima.

Acredito muito em Deus e na espiritualidade, estamos sofrendo agora, mas tenho CERTEZA que tudo se resolverá!!!

Att. Carlos Leandro.

Comentários




    gl