Equipe de Mídia da UESM faz alterações

Raphael Khaleb e Thiago Laurentino em momento de descontração

Trabalhando em prol dos desfiles que se aproxima, os membros do Conselho Deliberativo junto aos coordenadores dos grupos e a Coordenação geral, realizaram mudanças na equipe de mídia da UESM (União das Escolas de Samba de Maquete). Nomes bastante conhecidos no Carnaval de Maquete, e com a filiação das escolas Acadêmicos da Estrela Imperial e Independente Suburbana, os seus presidentes Raphael Khaleb e Thiago Laurentino foram convidados a coordenar a equipe. A equipe continuará contando com o apoio dos colaboradores Tiago Mirandah da Mocidade Recreio das Flores e Claudio Sampaio da Bafo do Tatu.

Conheça um pouco da trajetória dos dois novos coordenadores:

Capa da Entrevista de Thiago Laurentino quando era ainda carnavalesco da Mocidade Louca de Pilares.

Thiago Laurentino, que atualmente é presidente da GRESM Independente Suburbana, Escola do Grupo B da UESM, tem uma vasta trajetória no mundo do Carnaval Virtual. O coordenador que começou em 2008 na extinta Virtuafolia como desenhista e carnavalesco, já assumiu, na UESM, a função de Carnavalesco da Extinta Mocidade Louca de Pilares por 03 anos consecutivo.
“Voltar a liga é uma emoção muito forte. A liga, apesar de toda a competição, é o local do fortalecimento de amizade antiga e criar novas amizades, reforçando os nossos laços, o nosso caráter. E essa, com certeza será a garantia da longevidade da nossa UESM. Com muito carinho aceitei o convite para ajudar na equipe de mídia. Quero contribuir para o crescimento da Equipe e da Liga, sem perder a diversão, a amizade e o respeito.”  – Conclui o presidente.

Veja como foi a entrevista de Thiago.

Foto da abertura da coluna “O Olhar de Cleópatra” falando sobre os desfiles da UESM.

Outro Membro da coordenação, Raphael Khaleb é uma figura emblemática que dispensa apresentações. Fundador de 03 escolas que já passaram pela UESM (Barões da Pedra, Segredos do Vaticano e Meninos de Pelotas) e autor da coluna “Olhar de Cleópatra”, onde dá vida aos comentarios engraçados de um personagem que desfilou na Marquês de Sapucaí em 2015, o primeiro vice presidente da liga é atualmente presidente da Acadêmicos da Estrela Imperial.

“O que me afastou da UESM foi a falta da leveza da brincadeira. A ausência desse espírito de amizade, uma vez que a história se tornava competitiva demais. Muito disso se dava a busca da verossimilhança com o Carnaval real, principalmente partindo da forma a qual era incentivado esse projeto que acredito que unem as pessoas. Voltar hoje é, pra mim uma felicidade tremenda  até porque gosto do que faço. Então, estou voltando pra somar mesmo’.

Veja a ultima edição de Olhar de Cleópatra.

Com o intuito de dar mais visibilidade a liga nas mídias sociais, a nova equipe pretende levar o nome da UESM para todos os amantes do samba e do Carnaval real e virtual.

Saiba mais sobre o Carnaval de Maquete da UESM

Página oficial

Facebook

Youtube

Instagram

* Por Raphael Khaleb em colaboração voluntária ao SRzd

Comentários




    gl