STF repudia pedido de Jair Bolsonaro

Supremo Tribunal Federal. Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

Supremo Tribunal Federal. Foto: Valter Campanato – Agência Brasil

O Supremo Tribunal Federal emitiu nota oficial, na noite desta sexta-feira (20), onde repudia a apresentação do pedido de impeachment feito por Jair Bolsonaro (sem partido) contra o ministro do STF Alexandre de Moraes.

+ Pacheco: ‘Não antevejo critérios técnicos para impeachment’

A nota é assinada pelo presidente da Suprema Corte, o ministro Luiz Fux, e acrescenta que confia nas deliberações do Senado Federal para a investida do chefe do Executivo.

+ leia a nota na íntegra:

“O Supremo Tribunal Federal, neste momento em que as instituições brasileiras buscam meios para manter a higidez da democracia, repudia o ato do Excelentíssimo Senhor Presidente da República, de oferecer denúncia contra um de seus integrantes por conta de decisões em inquérito chancelado pelo Plenário da Corte.

O Estado Democrático de Direito não tolera que um magistrado seja acusado por suas decisões, uma vez que devem ser questionadas nas vias recursais próprias, obedecido o devido processo legal.

O STF, ao mesmo tempo em que manifesta total confiança na independência e imparcialidade do Ministro Alexandre de Moraes, aguardará de forma republicana a deliberação do Senado Federal”.

+ Fundo Eleitoral: Bolsonaro veta os R$ 5,7 bi

+ Ministro da Defesa de Temer diz que Bolsonaro mandou jatos para quebrar vidros do STF

+ MT: filha de empresários morre aos 28 anos em explosão

+ Covid-19: Brasil soma 573.511 mortos pela doença desde o início da pandemia

+ RJ: morre ex-secretário de Saúde do governo Castro

+ Veta ou não? Bolsonaro decide hoje sobre o fundo eleitoral de R$ 5,7 bi

+ Reação: Maria Rita e Guilherme Arantes deixam disco de Sérgio Reis

+ Ministro da Educação: ‘Há crianças com um grau de deficiência que é impossível a convivência’

+ RJ: Mourão lidera disputa ao governo do estado

+ PoderData: 58% dos brasileiros querem impeachment de Bolsonaro

+ Afeganistão: Talibã informa que não haverá democracia no país

+ Curtinhas: curtida de Bruno Gagliasso em vídeo pornô gay ‘quebra’ a web

+ Curtinhas: senador Randolfe Rodrigues será candidato ao governo do AP

+ Curtinhas: Bolsonaro se queixa de ser presidente e web pede: renuncia

+ Curtinhas: Após dizer que namoraria petista, Jair Renan escolhe irmão favorito fora do clã

+ Com trio brasileiro, Conmebol divulga datas da semi na Libertadores

+ Gianecchini responde sobre namoro com Diego Fragoso

+ Globo fecha semana com quase o dobro de audiência de todas as concorrentes juntas

+ Influencer com milhões de seguidores revela motivo de preferir usar calcinha

Comentários

 




    gl