Justiça manda penhorar taça do Mundial de Clubes do Corinthians

Justiça manda penhorar taça do Mundial de Clubes do Corinthians. Foto: Reprodução

O juiz Luis Fernando Nardelli, da 3ª Vara Cível de São Paulo, expediu nesta quinta-feira (8) um mandado de penhora e avaliação da Taça do Mundial de Clubes de 2012, exposta no Memorial do Corinthians.

Trata-se de uma decisão favorável ao Instituto Santanense de Ensino Superior, que desde 2008 cobra do Corinthians uma dívida de R$ 2,48 milhões.

Um oficial de justiça deve ir ao clube avaliar o valor da taça. Num primeiro momento, o clube segue com a posse do troféu, mas não poderá vendê-lo. Se a dívida não for paga, a taça vai a leilão judicial. O presidente corintiano Andrés Sanchez deu entrevista coletiva nesta tarde no CT do clube e falou sobre o tema:

“Pelo menos o Corinthians tem taça de Mundial, duas, para penhorar, né? Em 48 horas vamos resolver, sem problemas, não tem mais acordo, vamos pagar e depois esperar o processo para receber nossa parte. Mas é uma ação midiática, os advogados devem torcer para outro time e fizeram isso”, informou. Ainda sobre o caso, Sanchez gravou vídeo publicado no Instagram do Corinthians, assista:

Comentários




mais notícias

    gl