Wizard se cala na CPI e vídeos onde ri ao falar de mortos se espalham na web

Arte: SRzd

A Comissão Parlamentar de Inquérito da Covid-19 no Senado Federal recebeu, nesta sexta-feira (30), o empresário Carlos Wizard, apontado como membro de um suposto “gabinete paralelo” de aconselhamento ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido) para questões de enfrentamento da pandemia.

+ Veja a cobertura completa da CPI da Covid-19 no Senado Federal

Wizard preferiu ficar em silêncio, prerrogativa da qual tem direito por decisão judicial expedida pelo STF. Neste contexto, vídeos onde ele tem posições diversas sobre como combater o avanço da doença, ganharam as redes sociais. Num deles, em entrevista para a jornalista Leda Nagle em março deste ano, ele sorri ao comentar 40 mortes na cidade de Porto Feliz, no interior de São Paulo. Assista:

+ Sidney Rezende: ‘CPI vai sangrar governo nas próximas semanas por denúncia de propina’

+ Em cena impensável, ‘superpedido’ de impeachment reúne Joice e Gleisi

+ CE: pesquisa aponta Lula em 1º no estado de Ciro Gomes

+ Carlos Bolsonaro posta foto do pai no hospital para criticar CPI: imagens fortes

+ Governo suspende contrato de compra da Covaxin

+ Novelas dominam audiência na TV; veja os números de 29 de junho

+ ‘Força Chico’: história de garotinho com leucemia comove a web

+ Com quartas definidas, final da Copa América pode ter Brasil e Argentina na final

Comentários

 




    gl