Categories: BrasilPolítica

Com 80% do ministério definido, Lula projeta anúncio dos nomes escolhidos

O presidente eleito, Luiz Inácio Lula da Silva, disse nesta sexta-feira (2), durante entrevista coletiva no Centro Cultural Banco do Brasil, onde são realizadas as reuniões da equipe de transição em Brasília, que já tem “80% do ministério na cabeça”, mas que só deve anunciar os nomes após sua diplomação como presidente da República, marcada para 12 de dezembro.

“Depois vou ser diplomado no dia 12. Então depois que eu for diplomado, depois que for presidente da República, reconhecido e diplomado, aí eu vou começar a escolher meu ministério. Não precisa ficar angustiado, nervoso, criando expectativa. Eu, no fundo no fundo, já tenho 80% do ministério na cabeça, mas eu não quero construir o ministério para mim, quero ministério para as forças políticas que me ajudaram a ganhar as eleições. Na medida em que eles tiveram coragem de ir para a rua comigo, de enfrentar a adversidade que nós enfrentamos, as provocações, porque foi uma eleição muito complicada”, explicou Lula.


Leia também:

+ IBGE: 62,5 milhões de brasileiros estão na pobreza

+ Tebet revela rombo de governo Bolsonaro e possível uso criminoso de Auxílio


“A base do meu ministério será a base que eu tinha no meu segundo mandato, acrescido do Ministério dos Povos Originários”, disse o presidente eleito. “A gente precisa dar um sinal de respeito à população indígena que vive no nosso país”, completou. Outra mudança definida pela equipe de transição é voltar a dividir a pasta de Economia em duas, retornando os ministérios da Fazenda e do Planejamento.

Outra confirmação feita foi a de que a presidente do PT, Gleisi Hoffmann, não será ministra. Durante a coletiva de imprensa, ela esteve a todo momento ao lado do presidente eleito, que justificou a decisão reconhecendo o trabalho que ela vem desempenhando na liderança da sigla: “Ser presidente desse partido hoje é tão ou mais importante do que ser ministra”.

O petista afirmou também que ainda deverá conversar com partidos menores e representantes de setores da sociedade que apoiaram sua eleição antes de anunciar o gabinete ministerial.

PEC da Transição

O presidente eleito mostrou-se confiante na aprovação da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) enviada ao Congresso na segunda-feira (28) para modificar o orçamento. O texto propõe, por exemplo, a retirada do teto de gastos do benefício de R$ 600 do programa Auxílio Brasil, que deverá voltar a se chamar Bolsa Família.

“O que me interessa é a PEC que nós mandamos e já foi conversada com várias lideranças, com os presidentes do Senado e da Câmara”, ressaltou Lula ao ser questionado sobre o que poderia ser concedido pela aprovação do texto atual: “Se precisar negociar, nós sabemos fazer acordo”.
https://twitter.com/LulaOficial/status/1598710316766052356?ref_src=twsrc%5Etfw

Lula: “Ministro da Economia será a cara do meu primeiro mandato”

A respeito do ministério da Economia, Lula falou que o nome escolhido para assumir o Ministério da Economia – que deverá ser desmembrado em Fazenda, Planejamento e Indústria e Comércio – do futuro governo será alguém com a “cara do sucesso” registrado ao longo de seu primeiro mandato, de 2003 a 2006.

Lula enfatizou que vai se envolver nas decisões. “O ministério tem autonomia, mas quem ganhou as eleições fui eu. Obviamente quero ter inserção nas decisões políticas e econômicas desse país”, declarou.

Uma dessas decisões será a de prezar pelo aumento real do salário mínimo todos os anos, afirmou Lula. “Todos os anos haverá aumento real aos trabalhadores que ganham um salário mínimo e aos aposentados. O crescimento do PIB será repartido entre a sociedade brasileira”.

Assista:

Redação SRzd

Recent Posts

  • Carnaval/RJ

Rio: Confira os horários dos desfiles do Grupo Especial carioca em 2023

Tá chegando a hora! Nos dias 19 e 20 de fevereiro as doze escolas de samba do Grupo Especial carioca…

2 horas ago
  • Carnaval/SP

Dom Bosco aposta em ‘plástica eficiente’ no desfile que contará a obra e o legado de Villa Lobos

Considerada uma das favoritas no pré-Carnaval de 2022, a Dom Bosco de Itaquera terminou a apuração na sexta colocação. Para…

3 horas ago
  • Música

Cantor de rap, T Jotta morre aos 29 anos em Goiás

O cantor de rap Otavio Tavares, conhecido como T Jotta, morreu, vítima de uma infecção bacteriana. A morte do jovem…

4 horas ago
  • São Paulo

Flávio Saretta relata maior susto da vida; ex-tenista teve problema no cérebro

O ex-tenista Flávio Saretta publicou vídeo, visivelmente emocionado, nesta quarta-feira (8), em suas redes sociais , relatando ter descoberto uma…

4 horas ago
  • Carnaval/RJ

Inclusão: prefeitura do Rio traduz sambas de enredo para a linguagem de sinais

A Prefeitura do Rio quer fazer dos desfiles deste ano o Carnaval da inclusão para quem tem deficiência auditiva. Para…

4 horas ago
  • Televisão

BBB 23: Larissa e Fred são atacados por brothers e sister é chamada de ‘piranha’ e ‘cachorra’

VÍDEO: Larissa e Fred são atacados por brothers e sister é chamada de 'piranha' e 'cachorra' Durante conversa no quarto…

4 horas ago