Apenas 8% dos brasileiros defendem fim do uso obrigatório de máscaras, aponta Datafolha

Pessoas usando máscaras em Duque de Caxias, Rio de Janeiro. Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil

Pessoas usando máscaras em Duque de Caxias, Rio de Janeiro. Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil

Levantamento do Instituto Datafolha, divulgado nesta quarta-feira (22) pelo jornal Folha de S. Paulo mostra que 48% dos entrevistados defendem que o uso de máscaras deveria ser obrigatório tanto em lugares abertos como fechados.

A pesquisa também mostra que 44% acham que o acessório só deveria ser exigido em ambientes fechados. Outros 8% avaliam que deveria deixar de ser obrigatório em qualquer local, e 1% afirma que não sabe.

A pesquisa foi realizada de forma presencial e ouviu 3.666 pessoas de 16 anos ou mais em 191 municípios de todas as regiões do Brasil. A margem de erro é dois pontos percentuais para mais ou para menos.

Leia também:

+ Band escala Datena para narrar jogos do Palmeiras no Mundial de Clubes, diz colunista

+ Congresso aprova orçamento de 2022 com fundo eleitoral de R$ 4,9 bilhões

Comentários

 




    gl