Mulher confunde linguiça com cobra e pede ajuda aos bombeiros

Mulher confunde linguiça com cobra. Foto: Reprodução de Internet

Mulher confunde linguiça com cobra. Foto: Reprodução de Internet

Uma moradora de Viçosa, em Minas Gerais, acionou o Corpo de Bombeiros na noite de segunda-feira (14) alegando ter uma cobra na varanda de sua casa.

Quando os agentes chegaram na Rua Capitão José Maria, no bairro Maria Eugênia, munidos de equipamentos para a captura de animais peçonhentos, tiveram uma surpresa. O que seria uma
serpente era um pedaço de linguiça.

“Quando nossa equipe chegou ao local, fomos indicados para o cômodo onde ela suspeitava que estava o animal. Estava muito escuro e a forma com que a linguiça estava no chão realmente poderia levar a pessoa a confundir com uma cobra”, disse ao G1 o tenente Alexandre Lima Fagundes, comandante do 3º Pelotão.

O tenente relatou ainda que quando os bombeiros chegaram ao local, a moradora, cujo nome foi preservado, estava bastante desesperada e temia ser atacada. Ela não informou como a linguiça foi parar no chão, mas a suspeita é de que o gato que ela tem possivelmente arrastou o alimento.

“Nós a acolhemos e em seguida os militares adotaram todos os procedimentos de segurança para captura de cobras. Ao se aproximarem, os bombeiros perceberam que era uma linguiça com comprimento de pouco mais de um metro. Após a constatação, os bombeiros tranquilizaram a mulher”, contou.

A notícia se espalhou pela cidade, que tem cerca de 77 mil moradores e repercutiu nas redes sociais.

Comentários




mais notícias

    gl