Aos 62 anos, morre o cantor e produtor Kid Vinil em SP

Kid Vinil. Foto: Divulgação

Kid Vinil. Foto: Divulgação

Antônio Carlos Senefonte, conhecido pelo público como Kid Vinil, morreu nesta sexta-feira (19) em São Paulo.

A morte foi comunicada pelo amigo e radialista Luiz Thunderbird, através do Twitter. O artista estava internado há cerca de um mês na UTI do Hospital da Luz, após passar mal em um show realizado em Minas Gerais.

A morte foi causada por complicações de um edema. O enterro será às 16h deste sábado (20) no Cemitério de Vila Mariana. No início da tarde desta sexta-feira, o perfil pessoal de Kid Vinil teve um texto publicado pedindo orações:

“Aos amigos, parceiros de vida do nosso querido Kid. Infelizmente nosso amado passa pelo momentos mais crítico de sua recuperação e entendemos que agora é o momento dele com Deus, que acreditamos poder todas as coisas e fazer o que for melhor para o Kid. Pedimos que continuem as orações pois Kid não desistiu de lutar e sempre acreditou!”

Kid Vinil era natural de Cedral, em São Paulo. Destacou-se no cenário do rock brasileiro nos anos 80, com o grupo Magazine onde emplacou sucessos como “Sou Boy” e “Tic Tic Nervoso”.

Cantor, radialista, produtor, compositor e jornalista, foi vocalista do Verminose, Magazine, Kid Vinil e os Heróis do Brasil e ainda do Kid Vinil Xperience.

Antes de passar mal, o artista participava de um projeto com outros cantores da década de 1980, como Ritchie e Kiko Zambianchi.

Comentários

srzd



mais notícias