Ana Carolina Garcia. Foto: SRZD

Ana Carolina Garcia

Jornalista formada pela Universidade Estácio de Sá, onde também concluiu sua pós-graduação em Jornalismo Cultural. Em 2011, lançou seu primeiro livro, "A Fantástica Fábrica de Filmes - Como Hollywood se Tornou a Capital Mundial do Cinema", da Editora Senac Rio.

6º Olhar de Cinema – Festival internacional de Curitiba: retrospectiva em homenagem a F.W Murnau

Um dos selecionados da retrospectiva, “Nosferatu” é um dos maiores clássicos do Expressionismo Alemão (Foto: Divulgação).

Nesta quinta-feira, dia 20, a organização do Olhar de Cinema – Festival internacional de Curitiba divulgou que o homenageado do “Olhar Retrospectivo” será o cineasta F.W. Murnau, um dos nomes mais importantes do cinema expressionista alemão. A curadoria da retrospectiva é de responsabilidade de Aaron Cutler, um dos três programadores do evento, que será realizado entre os dias 07 e 14 de junho.

 

“Murnau é a primeira retrospectiva do Olhar de Cinema – Festival Internacional de Curitiba de um mestre pertencente ao período mudo do cinema. Ele é um cineasta que joga sua luz dentro da escuridão de uma arte expressionista, reflexo de um tempo sombrio de pós Primeira Guerra Mundial. Murnau, profundo conhecedor da técnica e estética da arte cinematográfica, deu à câmera uma função de refletir os sentimentos de seus personagens e as atmosferas de seus filmes. Ele carregava consigo uma verdadeira fé no poder da criação de imagens e tinha convicção que com elas criaria obras potentes. Assim, Murnau, com a narrativa e o simbolismo de sua arte e sua vida, é um nome que apresentamos na tentativa de dialogar com o momento obscuro que vivemos”, diz Antônio Junior, diretor de programação do evento.

 

Para o “Olhar Retrospectivo” foram selecionados 10 clássicos do cineasta, sendo que as cópias de oito deles serão disponibilizadas pela Fundação Friedrich Wilhelm Murnau, instituição que se dedica à preservação de produções cinematográficas alemães, restaurando-as e arquivando-as – as outras duas serão disponibilizadas pelo Museu de Cinema de Munique e pela Park Circus. Todas as cópias serão em DCP.

 

Os filmes de F.W. Murnau selecionados para a retrospectiva são: “Caminhada Noite Adentro” (Der Gang in die Nacht – 1921); “O Castelo Vogelöd” (Schloss Vogelöd – 1921); “Nosferatu” (Nosferatu, eine Symphonie des Grauens – 1922); “Fantasma” (Phantom – 1922); “As Finanças do Grão-Duque” (Die Finanzen des Grossherzogs – 1924); “A Última Gargalhada” (Der letzte Mann – 1924); “Tartufo” (Herr Tartüff – 1925), versão americana; “Fausto” (Faust – Eine deutsche Volkssage – 1926); “Aurora” (Sunrise: A Song of Two Humans – 1927); e “Tabu” (Tabu: A Story of the South Seas – 1931), seu último filme, lançado no mercado americano poucos dias após a sua morte.

 

Clique aqui para outras informações sobre o 6º Olhar de Cinema – Festival internacional de Curitiba.

Comentários

srzd



mais notícias