Querendo superar ‘Asa Branca’, presidente da Dragões fala de parceiros e comunidade

Lançamento do enredo da Dragões da Real para o Carnaval 2018. Foto: SRzd - Claudio L. Costa

Lançamento do enredo da Dragões da Real para o Carnaval 2018. Foto: SRzd – Claudio L. Costa

O décimo enredo do Grupo Especial do Carnaval de São Paulo 2018 foi divulgado na tarde do último sábado (10), quando a Dragões da Real apresentou: “Minha música, minha raiz! Abram a porteira para essa gente caipira e feliz”, como tema para a disputa no próximo ano, em evento na sua quadra social.

+ Veja a cobertura completa do evento de lançamento do enredo

+ Leia a sinopse do enredo tricolor

Nove já haviam sido anunciados: Império de Casa Verde, Unidos do Peruche, Mancha Verde, Tom Maior, Acadêmicos do TatuapéX-9 PaulistanaMocidade Alegre, Gaviões da Fiel e Vai-Vai.

O novo projeto da atual vice-campeã da cidade terá o desenvolvimento de Rogério Felix, Dione Leite e Márcio Gonçalves, e é aposta da entidade para a conquista do título inédito.

Ao SRzd, o comandante tricolor Renato Rodrigues, o Tomate, contou da expectativa de superar 2017, quando por pouco não faturou a taça da divisão de elite ao cantar “Asa Branca”. Sobre 2018, falou de parceiros, patrocínio e do estado de espírito de sua comunidade neste momento de arrancada para mais um Carnaval. Assista:

Time pronto em busca do título inédito

A diretoria tricolor já tinha confirmado as renovações de vínculo de mestre Tornado, do intérprete oficial Rene Sobral e do primeiro casal de mestre-sala e porta-bandeira Rubens de Castro e Evelyn Silva, além da contratação da coreógrafa Roberta Melo.

Com o enredo “Dragões canta Asa Branca”, a agremiação faturou, além do segundo lugar no concurso deste ano, o Prêmio SRzd Carnaval SP 2017 nas categorias de Melhor Escola, Alegorias e Fantasias. Relembre o desfile oficial.

Comentários

srzd



mais notícias