Ouça a versão final do samba da Águia de Ouro na voz de Tinga

Águia de Ouro. Foto: SRzd – Cláudio L Costa

A escola de samba Águia de Ouro divulgou na noite desta quinta-feira (11) a versão final de seu samba de enredo 2019. A gravação já está na voz do novo reforço da agremiação, o intérprete Tinga, anunciando no último dia 6 para integrar o time de canto. Ouça:

Após definir os quatro finalistas de seu concurso, a diretoria, por meio de nota, informou que optou por “aproveitar o que cada um dos sambas finalistas têm de melhor”.

Com a junção, mais de 30 pessoas assinam a obra: Márcio Filhos da Águia, Nando, Filosofia, Babú, Leandro B, Lula, Tuca, Jacopetti, Dico, e Diley Machado; Fernandinho SP, Léo, Paulo Eduardo, R. Centenaro, R. Campos e Portela; Ivanzinho, Jairo, Rodrigo Rocha, Carioca, Jose Sales, Zanza Simião, Silva Oliveira e Waltinho; e Rafael Prates, Russo, Amós TK, Silas, Rafa Malva, Zé Paulo, Maracá, Souza e Wagner. Porém, até o momento, a escola não confirmou oficialmente essa relação de autores.

Outra informação apurada pela reportagem do portal SRzd é a saída de Serginho do Porto. Além dele, Fernandinho SP também não faz mais parte do elenco da agremiação. Por outro lado, Douglinhas Aguiar permanece no carro de som.

+ Águia de Ouro abre o sábado de Carnaval em 2019

No próximo ano a Águia de Ouro apresenta no sambódromo do Anhembi o enredo; “Brasil, eu quero falar de você”, na disputa do Grupo Especial, quando será a primeira a desfilar no sábado, dia 2 de março.

Como diz um trecho da sinopse; “Um grito de basta contra toda essa sacanagem”, em referência aos diversos fatos da história nacional que marcaram negativamente o país.

+ Leia a sinopse do enredo 2019 da Águia de Ouro

O desenvolvimento do projeto conta com profissionais de peso do segmento. Luiz Fernando Ribeiro do Carmo, o Laíla, está de volta ao Carnaval de São Paulo, após mais de duas décadas. Ao seu lado, o ex-carnavalesco da Unidos de Vila Maria e também super campeão na Beija-Flor, Fran Sérgio. Ainda integram a comissão, Sérgio Caputo Gall, que já estava na agremiação, e Beth Trindade.

Comentários




mais notícias

    gl