Salgueiro: parecer da comissão eleitoral determina afastamento da presidente Regina Celi

Regina Celi. Foto: Dayse King

Regina Celi não é mais presidente do Salgueiro. Foto: Dayse King

O presidente da comissão eleitoral da escola de samba Acadêmicos do Salgueiro, Marcelo Ferreira, foi procurado oficialmente pelo advogado de André Vaz, da oposição, e decidiu que a atual presidente Regina Celi precisa “deixar imediatamente o cargo” para que Vaz, da Chapa 2, assuma a posição.

“Se a Regina Celi não deixar a presidência, tomaremos as medidas judiciais cabíveis”, disse William Figueiredo, advogado da chapa de oposição em depoimento ao jornal “O Globo”.

A disputa judicial na Academia do Samba se arrasta desde o mês de maio, quando Regina Celi foi reeleita para o seu quarto mandato consecutivo na eleição realizada no dia 6.

No dia 16 do mesmo mês, o Tribunal de Justiça do Rio considerou a chapa da mandatária inelegível, em uma ação movida pela oposição antes do pleito. Os desembargadores apontaram o descumprimento do limite de dois mandatos consecutivos na presidência estabelecido pelo estatuto da agremiação.

Regina Celi e André Vaz. Foto: Reprodução
Regina Celi e André Vaz. Foto: Reprodução

“A escola está acéfala de poderes. A presidente não pode assumir e o conselho deliberativo, eleito com ela, também não pode, segundo decisão da Justiça. O André (Vaz, da oposição) pediu uma resposta. Coloquei tudo o que eu li do processo. Antes da eleição, quando a oposição alegou que a Regina estava inelegível, fizemos uma consulta ao departamento jurídico. A resposta foi de que a chapa estava, sim, legal. (Para tomar a decisão) consultei meu advogado, que disse que eu não podia ir contra o que a Justiça disse. Estou sendo coerente, porque em 2014 a Regina foi declarada vencedora porque as duas outras chapas de oposição da época estavam inelegíveis. Estou com a consciência tranquila“, disse à publicação, o presidente da comissão, Marcelo Ferreira.

O Salgueiro foi procurado pela reportagem e, por meio de sua assessoria de imprensa, informou apenas que “a presidente Regina Céli aguarda decisão judicial”.

Em nota enviada ao SRzd, a assessoria da Chapa 02 (oposição) do Salgueiro confirmou que a comissão eleitoral da agremiação decidiu que Regina Celi deve deixar o cargo imediatamente

“Após ser procurado pelo advogado da Chapa 02, William Figueiredo, o Presidente da comissão eleitoral do G.R.E.S. Acadêmicos do Salgueiro, Marcelo Ferreira, decidiu pelo afastamento imediato de Regina Celi e da sua Chapa, ambos considerados inelegíveis pela Justiça.

Em sua decisão, Ferreira determina a posse imediata da Chapa 02, “Minha paixão, minha raiz”, nos cargos de Presidente e Vice-presidente da Diretoria Executiva, 10 Membros Transitórios e 5 Membros Suplentes do Conselho Deliberativo, a fim de evitar prejuízos à Escola e ao Carnaval.

A decisão ainda determina que os membros da Chapa 1, “A chama que não se apaga”, desocupem os cargos imediatamente.

“Esperamos que, desta vez, a Sra. Regina Celi acate a decisão tomada pela Comissão Eleitoral, que confirma a posição lançada no acórdão proferido pela Justiça. Esperamos, ainda, que tenhamos uma transição tranquila. Pelo bem da escola, temos que pensar que há um projeto de Carnaval que precisa ser tocado adiante. Ela precisa entender que isto está prejudicando a escola que diz amar. Há que se colocar o Salgueiro acima de tudo. Ela não está agindo de forma coerente”, diz André Vaz, que aguardará o cumprimento da decisão da Comissão presidida por Marcelo Ferreira para tomar posse. Caso Regina Celi não cumpra o estabelecido, os advogados da Chapa 02 estudarão as medidas que poderão ser tomadas”.

Relembre a disputa eleitoral do Salgueiro:

Regina Celi durante apuração do pleito presidencial do Salgueiro. Foto: Max Gomes

– Regina Celi é reeleita presidente do Salgueiro

– Justiça torna presidente Regina Celi do Salgueiro inelegível, diz jornal

– Justiça decide por nova eleição no Salgueiro

– Em caso de vitória, chapa de oposição promete rigorosa auditoria nas contas do Salgueiro

– Emerson Dias sobre situação do Salgueiro: ‘Imbróglio jurídico não terá impacto grande’

– Vice da chapa de Regina Celi no Salgueiro se pronuncia e defende novas eleições

– Chapa 02 rebate Regina Celi e divulga carta aberta sobre atual situação do Salgueiro

– Após pedir nova eleição, vice-presidente do Salgueiro volta atrás

– Chapa 02 afirma não reconhecer contratos firmados por Regina Celi

– Chapa 2 do Salgueiro emite nota: ‘A inelegibilidade de Regina Celi é uma certeza’

Comentários




mais notícias

    gl