Milena Nogueira não é mais rainha de bateria do Império Serrano

Milena Nogueira. Foto: Divulgação

Milena Nogueira. Foto: Divulgação

Pelo seu perfil no Facebook, Milena Nogueira comunicou que não é mais rainha de bateria do Império Serrano. Na mensagem, ela agradeceu à escola e disse que entende “o momento de crise que o Carnaval vem passando”. Leia mensagem abaixo na íntegra:

Reizinho de tantas histórias… Como sou grata por ter dividido momentos únicos durante dois anos consecutivos nesta Agremiação. Sou e serei eternamente agradecida por tudo que vivi e por todo carinho recebido.

Como toda história, a nossa hoje chegou ao fim. Asseguro que nada mudará o amor, o respeito e o carinho por este pavilhão verde e branco.

Nenhuma despedida é feliz, mas, eu entendo o momento de crise que o Carnaval vem passando. Vou com a certeza que dei tudo de mim para representar com maestria a avassaladora bateria Sinfônica do Samba, bem como o Império Serrano.
Quero agradecer a Presidente Vera Lúcia por me receber sempre de braços abertos, a todos os ritmistas que fazem o som do nosso famoso Agogo ecoar pelo mundo. Ao mestre Gilmar fica aqui o meu muito obrigada pela parceria, acolhida constante. Eu vou sempre bater palmas para a Sinfônica do Samba!

As minhas baianas, velha-guarda, passistas, ala de compositores e demais segmentos fica aqui o meu muito obrigada por vocês permitem que eu fizesse parte dessa história
Desejo toda sorte do mundo a comunidade aguerrida da Serrinha! Salve! Salve! Salve!

A minha sucessora eu desejo sucesso e que ela aproveite cada minuto com a família Império Serrano. Que honre e ame esse pavilhão assim como eu e tantas outras que à frente da Sinfônica do Samba tiveram o privilégio de estar.

O carnaval faz parte da minha história e com toda certeza já fala por mim.
Agradeço o carinho de todos que respeitam, admiram o meu trabalho e torcem por mim.
Hoje me despeço do Império Serrano mas com um até breve

“A minha história já fala por mim
Sou resistência, orgulho sem fim
Tem poesia no ar, você já sabe quem sou
Pelo toque do agogô “

Comentários




mais notícias

    gl