Integrantes das escolas da Série A comentam posição de desfile

Representantes das escolas no palco para o sorteio. Foto: João Carlos Martins

A sorte foi fator decisivo na noite desta terça-feira (5), na Cidade do Samba, quando as escolas da Série A subiram ao palco para tentar tirar a maior bola e desfilar na posição desejada. Algumas conseguiram, outras não. Após o sorteio, o SRzd conversou com integrantes de cada agremiação para saber o que cada escola achou.

Leia mais: Veja como foi a festa na Cidade do Samba

Leia mais: Saiba tudo sobre o sorteio que definiu a ordem de desfiles

Pixulé, intérprete da Unidos de Padre Miguel: “O dia não gostei, mas a posição é maravilhosa, quinta escola. Vamos com tudo”.

Fábio Montibelo, presidente da Porto da Pedra: “Precisa falar? Gostei demais!”.

Júnior Pernambucano, carnavalesco da Rocinha: “Melhor que ser segunda posição, né? Mas ta bom. A escola tá firme e a diretoria muito empenhada para fazermos um grande desfile”.

Marcus Ferreira, carnavalesco da Inocentes de Belford Roxo: “Gostei. Sábado é sempre melhor, mas a melhor posição de sexta é da Inocentes”.

Tarcísio Zanon, carnavalesco da Estácio de Sá: “Gostei muito. Não dá nem para esconder”.

Tem-Tem Jr, intérprete da Unidos de Bangu: “O presidente está feliz de abrir o sábado. É bom que temos a certeza da cobertura da TV Globo. A diretoria está contente e vamos trabalhar para surpreender”.

Gabriel Haddad, carnavalesco da Cubango: “Eu acho que encerrar é uma responsabilidade muito grande. No Especial é sempre uma briga para encerrar. Com certeza, estamos felizes demais”.

Zezo, presidente da Santa Cruz: “Minha preocupação era o horário do desfile por causa do trânsito e o nosso horário é nobre”.

Marco Antônio Falleiros, carnavalesco da Alegria da Zona Sul: “Olha, eu estou com um enredo muito espiritual, então, acredito que era para ser essa posição. Mas, se disser que gostei, vou estar mentindo”.

Wallace Palhares, presidente da Sossego: “A galera que vem de Niterói no primeiro dia pega muito trânsito, então, quanto mais tarde melhor. Estou muito satisfeito”.

Tê, presidente do Império da Tijuca: “Posição boa, né? Muito bom. Estou feliz”.

Diego Nicolau, intérprete da Renascer de Jacarepaguá: “Muito feliz por desfilar cedo. O carnavalesco queria posição ímpar pela concentração, mas acho a concentração do balança mais animada. O pessoal já aquece antes”.

Luygui e Vitinho, mestres de bateria da Unidos da Ponte: “Nós e a diretoria estamos muito felizes de retornar à Sapucaí e vamos dar nosso melhor independente da posição do desfile”.

Veja a ordem:

Sexta-feira, 01 de março

1ª – Unidos da Ponte
2ª – Alegria da Zona Sul
3ª – Acadêmicos da Rocinha
4ª – Acadêmicos de Santa Cruz
5ª – Unidos de Padre Miguel
6ª – Inocentes de Belford Roxo
7ª – Acadêmicos do Sossego

Sábado, 02 de março

1ª – Unidos de Bangu
2ª – Renascer de Jacarepaguá
3ª – Estácio de Sá
4ª – Unidos do Porto da Pedra
5ª – Império da Tijuca
6ª – Acadêmicos do Cubango

Comentários




    gl