Presidente Vera Lúcia afirma: ‘O Império Serrano não foi interditado’

Vera Lúcia, presidente do Império Serrano. Foto: Wellington Carvalho.

Nem todas as 13 escolas de samba do Grupo Especial tiveram seus barracões na Cidade do Samba interditados pelo Ministério do Trabalho (entenda a interdição). Foi o que disse Vera Lúcia, presidente do Império Serrano, em conversa com o SRzd. Vera afirmou que a agremiação, que subiu da Série A no último Carnaval, foi apenas alertada das modificações que deveria fazer e está trabalhando para realizá-las.

Ouça a declaração de Vera Lúcia:

De acordo com a presidente, o Carnaval 2018 encontra-se em uma situação muito complicada e o Império passa por dificuldades ainda maiores. A escola acabou retornar ao Grupo Especial e também não recebeu verba da prefeitura.

– A gente finge até não estar enxergando isso tudo, porque não parece real o que está acontecendo. É um ano muito difícil pra todas as escolas. Para o Império Serrano é um pouco mais difícil pois subimos esse ano. Não recebemos verba nenhuma ainda da prefeitura e estamos esperando. O Carnaval é na primeira semana de fevereiro e como é que nós vamos fazer? – indagou a presidente.

Vera também falou sobre o andamento dos trabalhos no barracão do Império Serramo e afirmou estar realizando o Carnaval com o mínimo de profissionais possíveis devido ao pouco dinheiro.

– Nós estamos a passos de tartaruga porque não tem verba. Se não tem verba, não tem como contratar profissionais. Então, estamos fazendo o que podemos. O que precisamos comprar estamos deixando pra depois porque não tem dinheiro.

Comentários




    gl