Ouça o áudio da conversa entre o presidente Michel Temer e o dono da JBS

Michel Temer. Foto: Reprodução de Internet

Michel Temer. Foto: Reprodução de Internet

O Supremo Tribunal Federal divulgou no início da noite desta quinta-feira (18) a gravação da conversa entre o presidente Michel Temer e Joesley Batista, um dos donos da JBS.

O áudio de mais de 38 minutos foi revelado após o ministro Edson Fachin retirar o sigilo das delações dos executivos. Os arquivos foram enviados ao presidente e depois divulgados para a imprensa.

Nas gravações, é possível entender que Temer sabia que J&F havia infiltrado procurador em investigação. O presidente aparece dando aval para o pagamento de propina ao deputado cassado Eduardo Cunha em troca do silêncio dele.

Por volta dos 11 minutos, Temer e Batista conversam sobre o cenário político, os avanços na economia e também citam a situação do ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), que foi preso na Operação Lava Jato.

Temer indicou o deputado Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR) para resolver um assunto da J&F (holding que controla a JBS). Ele também ouviu do empresário que estava dando a Eduardo Cunha e ao operador Lúcio Funaro uma mesada na prisão para ficarem calados. Diante da informação, Temer incentivou: “Tem que manter isso, viu?”.

Em um rápido pronunciamento realizado na tarde desta quinta-feira (18) no Palácio do Planalto, o presidente Michel Temer disse que não irá renunciar.

Clique no player para ouvir:

Leia também:

Edson Fachin autoriza investigação sobre Michel Temer

Aécio Neves se afasta da presidência do PSDB

Qual a herança moral deixada por Tancredo Neves e pelo velho Sérgio Cabral?

Situação política do Brasil movimenta a imprensa internacional

Deputado protocola pedido de impeachment de Temer

Gravação revela que Aécio pediu dois milhões aos donos da JBS

Famosos que votaram em Aécio estão sendo cobrados nas redes sociais

Comentários

srzd



mais notícias